Publicidade

Estado de Minas

Saiba onde fazer a castração de cães e gatos de forma gratuita em BH

Prefeitura oferece serviço de graça para animais em quatro unidades na cidade. Especialista defende a castração para controle populacional e saúde dos pets


postado em 06/08/2019 18:13 / atualizado em 06/08/2019 19:07

(foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
(foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)

Todo animal merece cuidado e atenção dos donos. E esse trabalho inclui saber e entender sobre a castração dos bichos, que pode ser necessária ou não. Em Belo Horizonte, a prefeitura realiza o controle populacional de animais em quatro centros fixos e em um itinerante. O procedimento é gratuito e alivia o bolso dos donos. Para a realização da cirurgia em clínica particular, os custos giram em torno de R$ 1.000 para cães e R$ 300 para gatos.

Para participar do controle, os animais devem ter no mínimo 4 meses de idade e no máximo 8 anos. É preciso fazer o agendamento presencialmente no Centro de Controle de Zoonoses, na regional Norte ou em um dos Centros de Esterilização de Cães e Gatos localizados nas regionais Noroeste, Oeste, Leste e Barreiro. Após a data agendada, o dono do animal fica responsável por levá-lo ao local. Depois da cirurgia, ele vai pra casa e pode retornar à unidade para a retirada dos pontos.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, são realizadas, em média, 880 cirurgias por mês em cada uma das unidades. Apenas na unidade da regional Norte, são realizadas 70 cirurgias diariamente. E cerca de 40% das vagas são reservadas para animais resgatados por projetos especiais. A ação começou em agosto de 2018 para atender cães e gatos que se encontram em situação de risco sanitário e em áreas de vulnerabilidade.

A protetora de animais Eliane Quarella, de 33 anos, leva com frequência os felinos que resgata para fazer a cirurgia pela prefeitura. “Levo muitos gatos, entre quatro e seis por semana. Normalmente, a gente faz o cadastro com dados nossos e dos animais e na mesma semana surge vaga”, contou. A auxiliar veterinária abriga cerca de 50 gatos em situação de vulnerabilidade por causa de seu amor com os bichos que começou desde cedo. “Eu cresci no sítio, sempre mexi com animais desde criança, amo pela criação e contato que tive com eles. Por isso acho que é extremamente importante a castração, porque evita a procriação de animais abandonados”, defendeu.

É importante fazer a castração?

(foto: Leandro Couri/EM/DA Press)
(foto: Leandro Couri/EM/DA Press)
Especialistas acreditam que a castração é mais que um importante fator para o controle populacional de animais de rua. “Ela também oferece vários benefícios para os animais. Os machos são castrados para tratamento de alguma patologia e as fêmeas são castradas para prevenção de patologias”, afirma o médico veterinário Dr. Marcelo S. Dayrell. “Em especial, nos felinos é muito importante fazer a castração do seu animalzinho em torno de 5 meses de idade, tanto para machos, quanto para fêmeas, pois o gatinho se torna um felino mais caseiro, com menos risco de fugas, evitando assim, o aumento de chance de contágio de várias doenças”, explicou.

O diretor do Hospital Veterinário Animed, salienta que, tanto o macho quanto a fêmea castrados podem ter aumento do peso após a cirurgia e também alteração de comportamento, com tendência a ficarem mais mansos e menos agitados.

Quais cuidados após a cirurgia?

O médico veterinário alerta que os donos tem um papel importante no pós-operatório. É preciso administrar as medicações de forma correta e respeitando o horário, assim como a limpeza e curativo da ferida. “Também é importante o repouso dos animais para que não ocorra ruptura dos pontos, assim como utilização de proteções como os colares elisabetanos e roupas cirúrgicas. Precisam se comprometer a levar o animal no retorno e também para retirada dos pontos, pois assim o médico veterinário poderá acompanhar a evolução da cirurgia e detectar qualquer possível alteração”, salientou o Dr. Dayrell.

Onde levar os animais?

Região Barreiro:
Centro de Esterilização de Cães e Gatos Barreiro
Avenida Antônio Praça Piedade, 68, Bairro Bonsucesso
Telefone 3246-2044

Região Norte:
Centro de Controle de Zoonoses
Rua Edna Quintel, 173, Bairro São Bernardo
Telefone: 3277-7413

Região Oeste:
Centro de Esterilização de Cães e Gatos Oeste
Rua Alexandre Siqueira, 375, Bairro Salgado Filho
Telefone: 3277-7576

Região Noroeste:
Centro de Esterilização de Cães e Gatos Oeste
Rua Antônio Peixoto Guimarães, 33, Bairro Caiçara
Telefone: 3277-8448

Resgate, cuidados e adoção

Além do serviço de castração e vacinação de animais, o Centro de Controle de Zoonoses recolhe animais soltos em vias públicas, realiza os cuidados necessários e os disponibiliza para adoção.

A unidade recolhe os animais mediante solicitação da população que chega pelo telefone 3277-7411 ou 7413, via e-mail: cczsmsa@pbh.gov.br, presencialmente, ou por meio da Polícia Militar, Civil, Rodoviária, Corpo de Bombeiros e BHTrans. 

“A unidade trabalha priorizando sempre animais em sofrimento, que estejam em alguma situação de agressão ou que tenha agredido algum munícipe”, destaca a prefeitura, que informou ainda que, caso o animal esteja saudável e não seja adotado, ele retorna ao local próximo de onde foi capturado, para que não perca o vínculo com a comunidade.

(foto: Reprodução da internet/Mundo Pet)
(foto: Reprodução da internet/Mundo Pet)

 
* Estagiária sob supervisão da subeditora Ellen Cristie. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade