Publicidade

Estado de Minas

Mulher de 27 anos denuncia estupro depois de sair para comprar cerveja em festa julina

Mulher estava em uma festa junina, acompanhada do marido e das duas filhas, de 10 e 3 anos, no Bairro Três Marias.


postado em 27/07/2019 16:58 / atualizado em 27/07/2019 17:48

Jovem de 27 anos foi a uma festa julina, foi roubada e, em seguida, estuprada na madrugada deste sábado na Região Nordeste de Belo Horizonte. Um homem de 39 anos foi preso suspeito de abusar sexualmente e traficar drogas.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, a mulher estava em uma festa junina, acompanhada do marido e das duas filhas, de 10 e 3 anos, no Bairro Três Marias. Em um certo momento da noite, ela decidiu comprar uma cerveja. Foi até um bar próximo com uma nota de R$100, comprou a cerveja e quando ela voltava para se encontrar com a família, passando por uma escadaria, foi surpreendida por dois homens.

Ela contou aos policiais que eles roubaram o dinheiro e, posteriormente, os seus chinelos. Em seguida, a arrastaram até um barraco na Favela da Luz. De lá, ela conseguiu fugir.

Mas, quando passava pela Favela Três Marias, foi abordada por outro homem, segundo a vítima, obeso que usava boné e bermuda. Ele pediu o isqueiro e, ao se aproximar, disse que a conhecia e que "ela não iria enganá-lo".

A vítima respondeu que ele estaria  confundindo ela com outra pessoa, já que não sabia quem ele era e disse que havia chegado a pouco tempo do interior para morar em Belo Horizonte. Segundo o registro policial, ele a ameaçou com uma faca e a levou para uma casa. Lá, sob ameaça, ordenou que ela se deitasse, tirou sua roupa e a estuprou.

A vítima contou que havia três jovens e duas adolescentes na casa onde ela foi mantida. Pela manhã, o homem fugiu e ela saiu da casa para procurar ajuda. Foi então que  procurou a polícia.

Os militares foram até o endereço apontado pela mulher . Lá, encontraram o suspeito, além de um bloco de anotações e substâncias semelhantes a drogas. Uma jovem de 19 anos também foi presa suspeita de de tráfico de drogas.

A vítima foi levada para o Hospital Municipal Odilon Behrens, na Região Noroeste de Belo Horizonte, para ser medicada.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade