Publicidade

Estado de Minas

Mulher é sequestrada por assaltante na Região Centro-Sul de BH

Câmeras de segurança mostram quando mulher estaciona o carro e é abordada pelo assaltante, que amarrou as mãos dela e tomou a direção do veículo. Ele foi preso na Rua Santa Rita Durão


postado em 21/06/2019 18:10 / atualizado em 21/06/2019 20:01



Uma mulher de 55 anos viveu momentos de pânico nas mãos de um assaltante no fim da manhã desta sexta-feira na Região Centro-Sul de Belo Horizonte. Ela foi amarrada no carro enquanto o criminoso dirigia por várias ruas e tomava seus pertences. Uma denúncia levou a polícia a prendê-lo e evitar um acidente. O homem era foragido da Justiça. 

De acordo com a sargento Patrícia Santos Fonseca, do 1º Batalhão da Polícia Militar (PM), o crime ocorreu na Rua Ceará. “A vítima estava estacionando o carro para ir a um hortifruti, momento em que o assaltante abriu a porta do carro, a empurrou para o banco do passageiro e arrancou o carro”, explica a militar. Uma câmera de segurança da região flagrou o momento em que a mulher é abordada. 

Ele usou uma blusa que estava no veículo para amarrar as mãos da vítima. O homem também revirou a bolsa dela e jogou todos os pertences no banco de trás. Ele também tomou o colar de ouro e pingente de diamantes e brincos de ouro branco que ela usava. 

Uma testemunha que viu o momento em que o homem entrou no carro anotou a placa, o modelo - Honda WR-V e ligou para a PM. De posse das informações, os militares montaram uma ação de cerco e bloqueio. O carro foi identificado no cruzamento das avenidas Getúlio Vargas e Afonso Pena, no Bairro Funcionários. O assaltante fugiu da abordagem policial e houve perseguição, que terminou na Rua Santa Rita Durão. 

Câmera de segurança mostra momento em que o assaltante entra no carro(foto: Reprodução da internet/Youtube)
Câmera de segurança mostra momento em que o assaltante entra no carro (foto: Reprodução da internet/Youtube)


“Ele desceu do carro, que continuou em movimento porque é automático e estava em uma descida. A vítima conseguiu pisar no freio e um policial puxou o freio de mão. Desamarrei as mãos dela”, conta a militar. Para a sargento, o assaltante deixou o carro daquela forma para que os policiais se distraíssem tentando resgatar a vítima e o plano foi malsucedido. 

A mulher não se feriu, mas estava em choque. O criminoso simulou estar armado para rendê-la. Em um dos bolsos da roupa dele, os policiais encontraram as joias e R$ 72 em dinheiro da vítima. 

O assaltante tem 24 anos. “Já tinha passagens (pela polícia), já foi preso e, inclusive, tinha um mandado de prisão em aberto por homicídio”, contou a sargento Patrícia. A princípio, ele disse aos policiais que queria levar as joias da vítima. O assaltante foi levado para a Central de Flagrantes da Polícia Civil (Ceflan) II. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade