Publicidade

Estado de Minas

Mortes por dengue chegam a 12 e casos confirmados já são 32,5 mil em BH

Desde o início do ano, a capital mineira tem média de 207 casos confirmados por dia


postado em 07/06/2019 13:46 / atualizado em 07/06/2019 13:55

Foram confirmados mais 6,5 mil casos em uma semana na capital mineira(foto: Edesio Ferreira/EM/D.A Press)
Foram confirmados mais 6,5 mil casos em uma semana na capital mineira (foto: Edesio Ferreira/EM/D.A Press)

A dengue continua fazendo vítimas em Belo Horizonte. O número de mortes em decorrência da doença subiu para 12. Na última semana, foi confirmada mais uma morte, o que não significa que o morador perdeu a vida nos últimos sete dias. O número de casos confirmados também aumentou, e chegou a 32,5 mil, média de 207 por dia.

A epidemia de dengue não perdeu a força em maio, como acontece historicamente com a doença. Pelo contrário, os casos se multiplicaram e fizeram o mês ser o segundo com o maior número de confirmações. Foram 8.703 pessoas infectadas durante os 31 dias. Atrás apenas que abril, com 14.468.

Em uma semana, os casos confirmados de dengue deram um salto. Foram incluídos mais  6,5 mil. No último boletim divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMSA), em 31 de maio, eram 26,1 mil confirmações da moléstia. Hoje, já são 32,5 mil. A situação pode ser ainda pior, pois ainda há 54.113 notificações sendo investigadas.

A Região do Barreiro continua sendo a líder em casos confirmados. Foram 10.610 registros e outros 775 ainda em investigação. Seguida pela região Nordeste, com 4.189 casos, e 9.036 suspeitos, depois vem a Pampulha, com 3.972 confirmados, e 3.884 em apuração.

Atendimento aos doentes

Com o frio e a estiagem, a incidência da dengue diminui. Por causa da redução de novos casos da doença, a Prefeitura de Belo Horizonte iniciou o desligamento das unidades abertas para atender as pessoas com sintomas da moléstia. Apenas o  Centro de Atendimento à Dengue Venda Nova (CAD) vai funcionar até às 18 horas da terça-feira, de  11 de junho. "As pessoas que apresentarem sintomas da dengue devem procurar os 152 centros de saúde que estão aptos para o atendimento à população. O CAD Venda Nova está localizado à Rua Padre Pedro Pinto, 175 – 2º andar", informou a administração municipal.

Zika e Chikungunya

Outras doenças transmitidas pelo Aedes aegypti também vêm aumentando. Segundo a SMSA,  foram notificados 186 casos de chikungunya, em residentes de Belo Horizonte. Destes, foram confirmados 45 casos, sendo 12 contraídos no município, 10 importados e 23 contraídos em locais com origem indefinida. Há 141 casos em investigação.

Já em relação ao Zika, foram notificados 213 casos em residentes de Belo Horizonte. Há um caso confirmado para a doença. Outros 106 casos foram descartados e 106 permanecem em investigação.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade