Publicidade

Estado de Minas

PM de Minas celebra 244 anos e aponta redução de crimes no estado

O comandante-geral da PM destacou o comprometimento da tropa e também a importância das ações de inteligência e estratégia. Governador Romeu Zema destacou esforços dos policiais


postado em 07/06/2019 11:00 / atualizado em 07/06/2019 11:42

Desfile realizado nesta manhã durante a celebração (foto: Jair Amaral/EM/DA Press)
Desfile realizado nesta manhã durante a celebração (foto: Jair Amaral/EM/DA Press)
O aniversário de 244 anos da Polícia Militar de Minas Gerais, nesta sexta-feira, foi comemorado com o agraciamento de destaques da corporação e da sociedade com as medalhas de Mérito Profissional e Alferes Tiradentes. Para celebrar a data, a força de segurança pública mais antiga do Brasil também lançou uma megaoperação em todo estado, com 12 mil militares e mais de 800 prisões, e comemorou a redução dos índices de criminalidade em Minas. 

O governador Romeu Zema recebeu a espada que representa o mérito dos oficiais e destacou os esforços da tropa que tem em Tiradentes seu patrono. "Fico extremamente grato e lisonjeado, parabéns à PM pelos números apresentados 2019, em especial pelo desempenho na Grande BH, que registra os menores índices de criminalidade dos últimos 20 anos. Isso, apesar da falta de recurosos, significa mais comprometimento e eficiência", considera o governador. 

O comandante-geral da PM, coronel Giovanne Gomes da Silva, destacou esse comprometimento da tropa e também a importância das ações de inteligência e estratégia. "Tivemos uma importante redução do crime na zona rural, um emprego crescente de tecnologia e os retornos com essas políticas são a volta de investimentos. Conseguimos também reduzir o tempo de atendimento das ocorrências com a ampliação das unidades aptas a redigir Termos Circunstanciados de Ocorrências  (TCO), com uma economia de R$ 2 milhões  só em combustível para viaturas", destacou o comandante-geral.

Governador Romeu Zema durante a solenidade(foto: Jair Amaral/EM/DA Press)
Governador Romeu Zema durante a solenidade (foto: Jair Amaral/EM/DA Press)


O coronel aponta que todos esses esforços têm se traduzido em ampliação da sensação subjetiva de segurança. "Somos uma polícia forte e unida, formada por mais de 73 mil homens e mulheres. Somos a glória, os descendentes do bravo alferes. Todos nós, da ativa e veteranos, temos orgulho e seguimos resolutos. Mesmo neste momento de dificuldades do estado, o governador tem sido sensível às necessidades de seguranca".

A banda da PM deu o tom dos desfiles que se seguiram, com clássicos e sinfonias contemporâneas como a de abertura da série Game of Thrones. Marcharam em continência às autoridades, os cadetes, veteranos, policiamento ostensivo de área, batalhões especializados e alunos do Colégio Tiradentes. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade