Publicidade

Estado de Minas

Idosa de 74 anos é presa com armas, maconha e cocaína em BH

Suspeita tentou esconder uma caixa com embalagens e substâncias entorpecentes durante a ocorrência; segundo ela, itens seriam do seu neto, que está foragido


postado em 11/01/2019 18:48 / atualizado em 11/01/2019 18:55

Rua Regina, Bairro Eymard, o local do crime(foto: Reprodução/Google Street View)
Rua Regina, Bairro Eymard, o local do crime (foto: Reprodução/Google Street View)

 

O Batalhão de Rotas Táticas Metropolitanas (Rotam) prendeu Maria Imaculada de Avelar Alves, de 74 anos, na tarde desta sexta-feira. Os militares se deslocaram à Rua Regina, no Bairro Eymard (Região Noroeste) ao receberem uma denúncia de tráfico de drogas no local. Lá, encontraram a idosa, cocaína, maconha, embalagens, armas de fogo e brancas e dinheiro vivo. Segundo a detida, a apreensão pertence ao seu neto, Bruno Alves Silveira, de 30, foragido desde então.


Quando chegou ao local, a PM se deparou com três imóveis em um único lote. A idosa disse que uma das casas pertencia ao neto e que ele não estava em casa. Contudo, no decorrer dos trabalhos, a senhora tentou esconder uma caixa de papelão dos militares. Diante da suspeita e do forte cheiro de maconha, a polícia questionou o que tinha dentro do compartimento. Nele, a polícia encontrou pinos, papelotes, cocaína e maconha.


Ainda na casa da idosa, a corporação apreendeu uma arma de fogo calibre .38 dentro de uma bolsa feminina. Perguntada sobre os materiais, a aposentada disse que tudo pertencia ao seu neto e a outro homem que buscaria os entorpecentes.


Logo após a apreensão, o Batalhão Rotam perguntou aos vizinhos sobre o paradeiro de Bruno Silveira, o neto. Neste momento, uma nova denúncia chegou aos militares. O delator informou que o suspeito estava no telhado de sua casa.


A polícia acessou a parte superior do imóvel, mas não encontrou Bruno. No entanto, apreendeu mais dois revólveres – ambos calibre .38. No total, além das três armas, a corporação tomou posse de 1.540 pinos de cocaína, 42 buchas de maconha, 100 porções da mesma droga. Uma balança de precisão, R$ 29,70 em dinheiro vivo, uma faca tipo açougueiro e diversos itens para embalar entorpecentes também foram removidos da residência.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade