Publicidade

Estado de Minas

Após queda, técnicos vistoriam postes do Viaduto Santa Tereza

Nesta semana, poste do elevado e atingiu três veículos na Avenida dos Andradas. Um adolescente ficou ferido


postado em 20/09/2018 06:00 / atualizado em 20/09/2018 07:54

Equipes verificaram principalmente o local onde a haste teria caído do elevado na Avenida dos Andradas (foto: Túlio Santos/EM/DA Press)
Equipes verificaram principalmente o local onde a haste teria caído do elevado na Avenida dos Andradas (foto: Túlio Santos/EM/DA Press)


Técnicos do Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha/MG) e da BHIP, responsável pela iluminação pública em Belo Horizonte, vistoriaram ontem os postes que estão instalados no Viaduto Santa Tereza, que liga o Bairro Floresta, na Região Leste da cidade, ao Centro. A medida foi tomada depois que uma das hastes caiu de cima do elevado na Avenida dos Andradas. Duas motos e um carro foram atingidos e um adolescente de 17 anos foi encaminhado para o hospital.

Equipes ficaram um tempo maior verificando o local onde estava a haste que caiu. Conforme a BHIP, as análises foram realizadas para verificar quais medidas devem ser tomadas em cada uma das luminárias. “A equipe da BHIP esteve no local, juntamente com representantes do Iepha, para realizar estudos preliminares acerca dos postes republicanos. A partir dessa avaliação será traçado um plano de ação condizente com a necessidade, seja ela preventiva ou corretiva”, informou a empresa, por meio de nota.

O Iepha confirmou que técnicos participaram das vistorias para indicar quais serviços devem ser realizados. “Técnicos do Iepha-MG estiveram no local nesta quarta-feira (ontem), juntamente com responsáveis da BHIP, empresa responsável pela obra, para acompanhar a vistoria e orientar sobre os procedimentos a serem adotados em relação à situação dos demais postes de iluminação, localizados na parte superior do Viaduto Santa Tereza”, disse.

As luminárias do Viaduto Santa Tereza passam por manutenção desde dezembro.  No momento da queda do poste, acontecia um serviço na parte elétrica. Cabos de energia eram transferidos de dentro do poste, quando a estrutura se desprendeu. A queda de uma haste por pouco não terminou em tragédia. Duas motos e um carro acabaram atingidos. Um adolescente de 17 anos ficou ferido no incidente.

Viaturas do Corpo de Bombeiros e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) fizeram o atendimento. A BHIP se comprometeu a arcar com os danos causados nos veículos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade