Publicidade

Estado de Minas

Encontrados os jovens perdidos na Serra Fina

Dupla exploradora é de Macaé, no Rio de Janeiro, e estava perdida desde domingo, quando perderam o sinal de internet


postado em 18/09/2018 19:37 / atualizado em 18/09/2018 20:55

Nuvens de tempestade e nevoeiros tornam a orientação um grande problema na travessia de quatro dias da Serra Fina(foto: Ramon Lisboa/EM/D.A.Press)
Nuvens de tempestade e nevoeiros tornam a orientação um grande problema na travessia de quatro dias da Serra Fina (foto: Ramon Lisboa/EM/D.A.Press)
Contrariando a previsão inicial, os bombeiros encontraram, no final da tarde desta terça-feira, a dupla de jovens exploradores de Macaé (RJ), que estava perdida desde domingo na Serra Fina, no Sul de Minas. Segundo a corporação, eles estão sendo conduzidos de volta pela equipe de buscas do Corpo de Bombeiros. O estado de saúde deles ainda não foi informado.

Paulo José da Silva Gonçalves e Isaías Tavares Machado Júnior foram localizados no início da tarde, após conseguirem sinal de internet e enviarem localização aos bombeiros. Entretanto, o terreno é acidentado, com mata fechada e sem sinal para contato via rádio ou celular. Diante das circunstâncias, o resgate dos jovens era previsto para quarta-feira.

A aventura

De acordo com os bombeiros, os dois exploradores desceram a Pedra da Mina, a quarta mais alta do brasil, com 2.798 metros, na última sexta-feira. Eles chegaram a conseguir sinal de telefone e postar fotografias em suas redes sociais. Porém, depois de descerem o pico, enfrentaram um dos trechos mais difíceis da travessia, nos sete quilômetros até o Pico dos Três Estados, o segundo mais alto do trajeto, com 2.665 metros de altura e terceiro ponto de acampamento.

Ao não aparecerem no ponto de encontro, no domingo, o serviço de vans que eles contrataram para os buscar acionou os bombeiros. A cadeia de montanhas fica entre os municípios de Passa Quatro e Itamonte.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade