Publicidade

Estado de Minas

Preso suspeito de atear fogo em morador de rua na Savassi

Homem foi apontado pela vítima e tentou fugir ao ser abordado pela polícia


postado em 26/08/2018 23:08

A Polícia Militar prendeu neste domingo um suspeito de atear fogo em um morador de rua com coquetel molotov. O homem, de 32 anos, foi apontado pela vítima da tentativa de homicídio, que o teria reconhecido através de fotografia apresentada pelos militares.

O crime que ocorreu na madrugada de sábado, na Rua Alagoas, região da Savassi, deixou a vítima, de 45 anos, com queimaduras em 8% do corpo, na face, tórax e abdome. No dia do crime, uma testemunha teria identificado o suspeito pelo apelido de Sabará, o que foi posteriormente confirmado pela vítima, que contou ainda que o mesmo seria frequentador da região da Igreja da Boa Viagem.

De acordo com o cabo Nunes, do 1º Batalhão, uma viatura foi enviada ao local indicado pela vítima e o suspeito tentou fugir ao perceber a aproximação dos policiais, mas foi preso e encaminhado à Central de Flagrantes (Ceflan) no Bairro Floresta. Ele deverá ser indiciado e responderá por tentativa de homicídio. A vítima está internada no Hospital João XXIII, sem previsão de alta.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade