Publicidade

Estado de Minas

Tristeza e pequenas confusões marcam fim de jogo na Savassi

PM e Guarda Municipal fazem policiamento na região para conter tumultos. Muitos torcedores ainda estão no local


postado em 06/07/2018 19:04 / atualizado em 06/07/2018 19:15

(foto: Leandro Couri/EM/D.A. Press)
(foto: Leandro Couri/EM/D.A. Press)

A tristeza tomou conta do público na Praça da Savassi, Região Centro-Sul da capital, após a derrota brasileira no jogo contra a Bélgica. Por volta das 17h, muitos torcedores deixaram o local. O quarteirão ainda tinha uma grande concentração de pessoas, mas o clima era de derrota. Nenhum tumulto foi registrado até o fechamento desta matéria. Guardas Municipais e Polícia Militar (PM) acompanhavam a situação.

Entre um batuque e outro, os torcedores aproveitaram o momento para se distrair após a derrota. As grades para dispersão do público, que haviam sido colocadas para fechar a Rua Antônio de Albuquerque na transmissão do jogo, foram retiradas.

Os policiais ficaram alertas para conter qualquer tumulto, mas os registros de confusões foram pontuais. De acordo com o major Orleans Dutra, comandante da 4ª Companhia da PM, cerca de 1200 pessoas ainda estavam no local, o correspondente a quase metade do público recebido nesta tarde. 

O major conta que houve um início de tumulto, mas os próprios envolvidos se dispersaram e não foi necessária a atuação da polícia. Já um segurança de uma rede de fast-food contou à reportagem do Estado de Minas que presenciou o início de possíveis tumultos, mas rapidamente os brigões foram dispersados com a chegada da Guarda Municipal.

De acordo com a PM, na Savassi, foram registradas ocorrências de furtos de celulares e perda de documentos. Já no Mineirão, assim que acabou a partida, uma parte dos torcedores deixou a arena. Apesar disso, a maioria aguarda o show da dupla sertaneja Henrique e Diego.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade