Publicidade

Estado de Minas

Brasil perde para Bélgica e frustra festa em BH

Torcedores lotaram Mineirão e Savassi para apoiar Seleção Brasileira, mas viveram momentos de tristeza e decepção após o apito final


postado em 06/07/2018 16:54 / atualizado em 06/07/2018 18:02

Quatro anos depois da tragédia diante da Alemanha, o torcedor brasileiro viveu mais um dia de amargura: com a derrota por 2 a 1 diante da Bélgica, o Brasil está eliminado da Copa do Mundo. Em BH, a decepção tomou conta do público nas ruas da Savassi e no Estádio Mineirão, mesmo palco do último revés da Seleção no Mundial.

A decepção tomou conta da multidão na Praça da Savassi. O estudante João Gabriel da Costa, de 16 anos, não conteve as lagrimas. “Bélgica jogou com os nossos erros. Não vi o Brasil ganhar a Copa ainda, mas ainda vou ver”, disse com os olhos vermelhos. Os torcedores deixam o local e o esquema que foi montado pela Polícia Militar, com a cavalaria, não está mais funcionando. Guardas municipais fazem o policiamento na região.

No Mineirão, assim que acabou a partida, uma parte dos torcedores deixou a arena. Apesar disso, a maioria aguarda o show da dupla sertaneja Henrique e Diego. A organização estima um público de 15 mil pessoas no estádio durante a partida.
 
Ainda no primeiro tempo, alguns torcedores já deixavam a Savassi – um dos locais de maior concentração para acompanhar a partida. "Estou triste. Nao acho que o Brasil conseguirá ir para frente",  disse Maria Helena Pereira Pedras, de 81 anos, atravessando a pé na Rua Alagoas, rumo à sua casa, no Centro.  
 
Por outro lado, a torcida belga em BH só tem o que comemorar. No Bar Albanos, na Rua Rio de Janeiro, dezenas de torcedores celebraram a vitória diante do Brasil. Agora, a seleção europeia enfrenta a França, na próxima terça-feira, às 15h, em São Petersburgo.  
 

O jogo

 
Fernandinho, contra, de cabeça, aos 13, e De Bruyne, em chute de fora da área, aos 31, construíram o triunfo belga no primeiro tempo. O Brasil reagiu aos 30 da etapa final, com gol de Renato Augusto, depois de cruzamento perfeito de Philippe Coutinho.
 
A partida marcou a primeira derrota do técnico Tite, em jogos oficiais, no comando da Seleção Brasileira. A Bélgica chega à sua segunda semifinal de Copa na história. Em 1986, perdeu por 2 a 0 para a Argentina e terminou com o quarto lugar – melhor resultado do país na competição.
 
 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade