Publicidade

Estado de Minas

Congresso em BH discutirá ' Desigualdade, gêneros e comunicação'; Estado de Minas participará

Cerca de 2 mil congressistas participarão da XXIII edição do Congresso de Ciências da Comunicação na Região Sudeste. EM terá palestra na programação


postado em 30/05/2018 19:45 / atualizado em 30/05/2018 19:57

(foto: Internet/Reprodução)
(foto: Internet/Reprodução)
Pesquisadores – estudantes ou graduados – de diversas áreas da comunicação têm um encontro marcado em Belo Horizonte, na semana que vem, para debater passado, presente e futuro da área no país. Eles se encontrarão, nos dias 7, 8 e 9 de junho, no XXIII Congresso de Ciências da Comunicação na Região Sudeste, promovido pelo Intercom, que aborda, nesta edição, a temática Desigualdade, gêneros e comunicação. O Estado de Minas participa do evento e dará uma palestra aos congressistas sobre Os desafios da redação do século XXI, no segundo dia de evento, das 10h às 12h. O encontro acontece no prédio da Faculdade de Ciências Humanas, Sociais e da Saúde (FCH) da Universidade Fumec, no Bairro Cruzeiro, Centro-Sul da capital.

O tema escolhido para essa edição é pontual e importante para o momento que a sociedade passa, de acordo com o coordenador do congresso, o professor Sérgio Arreguy, que também é responsável pelo curso de Publicidade e Propaganda na faculdade. Segundo ele, a escolha do tema aconteceu "muito em razão do momento em que a gente vive, com as questões de igualdade, gênero, tem sido pautadas no nosso cotidiano e necessitamos incluí-las para que que as pessoas aceitem melhor, promovendo, assim, a diversidade". 

Para que o assunto seja debatido, conforme o professor, uma série de eventos foi programada para acontecer nesta edição do encontro regional. "São oficinas, exposições, atividades culturais que têm, nesse sentido, a ideia de alinhar a temática, promovendo discussões sobre sexualidade e, até mesmo, formas de violência, como o sexismo. Uma infinidade de esquetes, peça, shows e atividades serão trazidas para os esperados 2 mil congressistas", explicou Sérgio. Nesta edição, de acordo com ele, entre as 70 atrações, haverá uma apresentação do espetáculo Tempo Contratempo, do Corpo Cidadão, organização artística e social da premiada companhia de dança belo-horizontina Grupo Grupo. 

O congresso que ocorre em Belo Horizonte também será sediado em todas as regiões do Brasil, com a finalidade de abordar o tema escolhido para o congresso nacional, que também ocorrerá neste ano, no próximo semestre. "Esperamos a participação das escolas da Região Sudeste, que estão sendo representadas, pelos alunos, professores e representantes e, dessa forma, selecionar os trabalhos que irão para o nacional", finalizou o coordenador. Para mais informações, clique aqui.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade