Publicidade

Estado de Minas

Guardas municipais fazem assembleia sobre proposta da PBH na Praça da Estação

Categoria discute se aceita ou rejeita proposta de regras de enquadramento na carreira da Guarda Municipal


postado em 08/05/2018 09:01 / atualizado em 08/05/2018 10:04

(foto: Paulo Filgueiras/EM/DA Press)
(foto: Paulo Filgueiras/EM/DA Press)

Guardas municipais de Belo Horizonte participam de uma assembleia geral na manhã desta terça-feira na Praça da Estação, Centro de Belo Horizonte. Eles discutem a proposta da prefeitura da capital sobre o plano de cargo, carreira e salários da categoria. 

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Belo Horizonte (Sindibel) diz que a revisão do Plano de Cargo e Carreira e Salários (PCCS) veio após mais de um ano de negociação entre os servidores e o governo. 

“Na última sexta-feira, após reunião com o prefeito Alexandre Kalil, a Supsecretaria de Gestão de Pessoas – SUGESP encaminhou a versão final do governo que contém entre outras, a proposta de regras de enquadramento na carreira da Guarda Municipal”, explicou a entidade, por meio de nota. 

(foto: Paulo Filgueiras/EM/DA Press)
(foto: Paulo Filgueiras/EM/DA Press)


“Existe a possibilidade de a categoria aceitar ou rejeitar a proposta. Porém em caso de rejeição, a insatisfação da categoria pode desencadear grande tensionamentos, que se torna ainda mais preocupante em razão dos últimos conflitos em negociação de servidores e PBH”, acrescentou o Sindibel. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade