Publicidade

Estado de Minas

Mulher morre atropelada e moradores protestam na Via Expressa, em Contagem

Polícia Militar não precisou que a morte seja a causa do protesto. Corpo de Bombeiros foi acionado e apagou chamas em pneus, madeiras e amontoado de lixo


postado em 22/03/2018 12:37 / atualizado em 22/03/2018 13:13

Moradores do Bairro Parque São João, em Contagem, na Grande BH, fecharam parte da Via Expressa em um protesto que durou cerca de uma hora na manhã desta quinta-feira.


De acordo com a Polícia Militar (PM), o grupo de moradores ateou fogo em pneus, tocos de madeira e amontoados de lixo. O Corpo de Bombeiros foi acionado para o local e fez a contenção das chamas. 

A Transcon, responsável por gerenciar o trânsito na cidade, informou que, por causa da manifestação, o tráfego de carros fluiu em apenas uma faixa no sentido Belo Horizonte. No sentido Betim, não houve interferências no trânsito. 

Ainda não identificada, a vítima morreu depois de ser atingida por uma van. O acidente ocorreu por volta de 7h40 na pista sentido Belo Horizonte. 

Segundo a Transcon, que gerencia o trânsito na cidade, apenas uma faixa foi liberada para os veículos após o acidente e a fila de carros chegou ao Bairro Petrolândia. 

A identidade da mulher não foi informada e a dinâmica do acidente não foi esclarecida. 
 
*Sob supervisão do editor Benny Cohen

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade