Publicidade

Estado de Minas

"Rato" é executado em aglomerado de BH

Suspeito de ter cometido o crime não foi localizado pela Polícia Militar. Leonardo Alves da Silva, de 32 anos, foi morto com tiros na cabeça e pescoço


postado em 05/03/2018 11:02 / atualizado em 05/03/2018 11:55

Um homem conhecido como “Rato” foi executado com tiros na cabeça e pescoço na porta da casa onde morava na noite desse domingo no Bairro Senhor dos Passos, na Pedreira Prado Lopes, Noroeste de Belo Horizonte.

De acordo com a Polícia Militar, Leonardo Alves da Silva, de 32 anos, estava sentado na rampa de acesso ao prédio que morava junto com a esposa e um amigo, quando um homem ainda não identificado se aproximou e atirou contra ele. 

Leonardo "Rato" Alves chegou a ser socorrido para o Hospital Odilon Behrens, mas morreu no local.

A mulher e o amigo que presenciou o crime contaram aos militares que o homem era conhecido como “rato” na região, mas não explicaram o porquê do apelido.
 
As testemunhas ainda disseram aos policiais que estavam de costas para Leonardo quando o homem se aproximou e atirou. 

Conforme a PM, o suspeito fugiu e não foi localizado. As causas e a autoria do crime serão investigadas pela Polícia Civil, mas, existe a suspeita de ligação com o tráfico de drogas. 
 
*Sob supervisão do editor Benny Cohen

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade