Publicidade

Estado de Minas

Chuva provoca alagamentos em cidades do interior de Minas

Ocorrências foram registradas em Lajinha, na Zona da Mata, Santa Rita do Sapucaí, no Sul do Estado, e Governador Valadares, na Região do Rio Doce


postado em 04/01/2018 14:39 / atualizado em 04/01/2018 14:47

Em Lajinha, na Zona da Mata, a água atingiu ruas e imóveis(foto: Reprodução /WhatsApp)
Em Lajinha, na Zona da Mata, a água atingiu ruas e imóveis (foto: Reprodução /WhatsApp)

Cidades do interior de Minas Gerais também sofrem com os problemas durante os temporais. Alagamentos foram registrados e famílias tiveram que deixar as casas por causa do risco de serem atingidas pela força da água. Ocorrências foram registradas em Lajinha, na Zona da Mata, Santa Rita do Sapucaí, no Sul do Estado, e Governador Valadares, na Região do Rio Doce.

Ver galeria . 9 Fotos Reprodução/WhastApp
(foto: Reprodução/WhastApp )


A situação mais crítica aconteceu em Lajinha. O Rio São Domingos, que corta a cidade, transbordou em alguns imóveis foram atingidos. "Por volta de 3h caiu uma tromba d'água na cabeceira do Criciúma (distrito vizinho) e ai moradores avisaram e nós da PM e Defesa civil avisamos aos moradores para ir tomando as cautelas. Pouco depois por volta de 4h a enchente desceu e inundou a cidade. Hoje pela manhã o alagamento já cessou e a situação está tranquila" afirmou o cabo Vinícius Martineli, da PM.


De acordo com o coordenador da Defesa Civil local, Luciano Barros Faria, a água chegou a atingir um metro nas casas. “O rio subiu aproximadamente sete metros e saiu da calha. Tivemos relatos de moradores que disseram terem perdido móveis, roupas, colchões e alimentos. A sorte é que conseguimos avisar a população uns 30 minutos antes do temporal. Porque alguns conseguiram salvar objetos”, explicou.


Devido aos danos, duas famílias tiveram que deixar as casas. “Até agora somente duas nos procuraram. Estamos procurando um abrigo para alojar essas pessoas”, afirmou. Segundo ele, o tempo segue fechado na região com risco de mais chuva.


Em Santa Rita do Sapucaí, o temporal também assustou os moradores. De acordo com a Defesa Civil local, um grande volume de chuva atingiu o município em pouco tempo. Por causa disso, vários alagamentos foram registrados, mas sem grandes danos. A água baixou rapidamente, em menos de uma ora. O órgão informou que o rio que corta a cidade está em um nível baixo, por isso, não chegou a sair da sua calha.


Governador Valadares


A chuva também atinge Governador Valadares. Segundo o Corpo de Bombeiros, nessa madrugada, alagamentos foram registrados em alguns bairros, mas sem grandes danos. A preocupação dos militares é com os bairros Baixa do Quiabo e Santa Terezinha, que ficam às margens do Rio Doce. Nos locais, alagamentos são frequentes, mas nesta quinta-feira não houve registro, pois o nível do rio está baixo.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade