Publicidade

Estado de Minas

Polícia investiga assassinato de mulher de PM em Abaeté

Mulher estava desaparecida desde sexta-feira. Corpo dela foi encontrado na noite de domingo parcialmente carbonizado


postado em 03/01/2018 14:54

Ainda não há informações sobre a autoria e motivação do assassinato de Katyane Araújo(foto: Reprodução Facebook)
Ainda não há informações sobre a autoria e motivação do assassinato de Katyane Araújo (foto: Reprodução Facebook)

O assassinato da mulher de um policial militar em Abaeté, na Região Central de Minas Gerais, é um mistério. A Polícia Civil abriu inquérito e está em busca de provas que possam levar aos autores e a motivação para o crime. Katyane Araújo estava desaparecida desde sexta-feira. O corpo dela foi encontrado na zona rural da cidade parcialmente carbonizado. O carro dela também foi encontrado. Imagens de câmeras de segurança que flagraram o veículo da vítima estão sendo analisadas.


A denúncia do desaparecimento da mulher foi feita por familiares no sábado. No mesmo dia, segundo a Polícia Militar (PM), o carro dela foi encontrado em uma rua próximo a MG-176, em Cedro do Abaeté. O veículo estava incendiado, mas nenhum suspeito foi localizado na região.


As buscas continuaram para tentar localizar pistas do paradeiro de Katyane e também dos criminosos que tenham cometido o crime. Na noite de domingo, a PM recebeu uma denúncia dizendo que um corpo foi encontrado na zona rural do município. Os policiais foram até o local indicado e encontraram o corpo da mulher parcialmente carbonizado.


A perícia compareceu ao local e fez os primeiros trabalhos de investigação. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) para ser analisado. Investigadores da delegacia de Abaeté fazem diligências nesta quarta-feira na tentativa de encontrar vestígios que possam ajudar a elucidar o caso.


Por meio do Facebook, o marido de Katyane deixou uma mensagem para a mulher. “É muita dor perder uma pessoa assim, de sonhos elevados e um coração enorme. Vá em paz minha flor do dia. Os anjos saltaram no céu quando viram a tamanho beleza. Estarei aqui lutando por justiça e espero um dia te encontrar no reino do Céu. Te amo muito. Muito obrigada por tudo que você fez por mim. Nunca esquecerei nossos momentos de felicidades juntos. Um beijo no coração. Até um dia. Obrigado a todos nossos amigos”, disse.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade