Publicidade

Estado de Minas

Detentos que fugiram de presídio em Barão de Cocais são recapturados

Na madrugada de segunda-feira, oito detentos deixaram a unidade. Até o início da tarde desta terça-feira cinco presos já tinha sido recapturados


postado em 02/01/2018 14:20 / atualizado em 02/01/2018 14:30

Um dos detentos foi encontrado escondido em casa de Santa Bárbara(foto: Polícia Militar / Divulgação)
Um dos detentos foi encontrado escondido em casa de Santa Bárbara (foto: Polícia Militar / Divulgação)

Um procedimento interno foi instaurado para investigar a fuga de presos no Presídio de Barão de Cocais, na Região Central de Minas Gerais. Na madrugada de segunda-feira, oito detentos deixaram a unidade. Até o início da tarde desta terça-feira cinco presos já tinha sido recapturados. Alguns deles achegaram a dizer que um agente penitenciário foi pago para facilitar a ação. A Secretaria de Estado de Administração Prisional (Seap) apura a forma como se deu a fuga.

De acordo com a Seap, a fuga aconteceu por volta das 0h30. Os oito detentos conseguiram escapar do presídio pulando os muros da unidade. Não foi esclarecido como eles conseguiram sair das celas. “A direção-geral da unidade instaurou um procedimento interno para apurar as circunstâncias da fuga e a Vara de Execuções Penais da Comarca foi comunicada oficialmente sobre o fato”, explicou a Secretaria por meio de nota.

Na manhã desta terça-feira, policiais militares de Santa Bárbara, na Região Central de Minas Gerais, prenderam um dos foragidos. Eles receberam informações de que Wesley Neres da Silva, vulgo “Neguinho do Manga Nova”, poderia estar escondido em uma casa no Bairro Manga Nova e foram conferir a denúncia. O local foi cercado e a moradora franqueou a entrada da PM, segundo a corporação.

O homem foi encontrado escondido em cima da lage do banheiro da casa. Como apresentava inchaço em um dos pés, foi encaminhado para o hospital da cidade. Em conversa com os militares, informou que se feriu ao pular o muro do presídio. Disse, ainda, que pagou R$ 5 mil a um agente penitenciário para facilitar a fuga.

Outros dois foragidos foram encontrados em Itabira, também na Região Central. Agentes da Polícia Militar Rodoviária (PMRv), fizeram um cerco na MG-129, próximo ao Bairro Chapada. Um equipe abordou um Fia Uno e suspeitou da atitude de alguns ocupantes. Cinco pessoas estavam no automóvel. Em conversa com o motorista ele informou aos policiais que deu carona para dois deles em uma estrada de terra. Foram recapturados Rogério Gonçalves, de 27 anos, e Wallace Valadares Junior, de 18.

Os dois foram encaminhados para o hospital da cidade por causa dos ferimentos causados na fuga. Segundo a PM, Wallace teve um fratura no pé e em uma das vértebras. Já Rogério fraturou o calcanhar direito. Com eles foram encontrados R$ 160 em dinheiro e um celular. Eles relataram que após a fuga foram até a casa de Rogério, em Barão de Cocais, onde trocaram de roupa e pegaram o aparelho telefônico.

Outros dois detentos já tinha sido recapturados pela polícia. Seguem foragidos, segundo a Seap, Tiago de Oliveira Silva, de 28, Maxsuel Gonçalves do Carmo, de 20, e Tiago Gonçalves Cabral, de 30.

Investigação

A Seap informou que investiga as circunstâncias da fuga. Esclareceu que não há nenhum agente de segurança penitenciário preso por suposto envolvimento no caso.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade