Publicidade

Estado de Minas

Ventos superam 60 quilômetros por hora em BH; previsão é de chuva para esta quarta-feira

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), em algumas regiões da cidade o vento chegou a atingir mais de 60 quilômetros por hora (km/h). A Defesa Civil emitiu um alerta para a possibilidade de chuva até a manhã desta quinta-feira


postado em 03/01/2018 13:44 / atualizado em 03/01/2018 13:55

Previsão é para a possibilidade de pancadas de chuva até a manhã deste sábado(foto: Leandro Couri/EM/D.A Press. )
Previsão é para a possibilidade de pancadas de chuva até a manhã deste sábado (foto: Leandro Couri/EM/D.A Press. )

Moradores de Belo Horizonte foram surpreendidos por rajadas de ventos fortes na madrugada desta quarta-feira. O zumbido alto, os alarmes de carros disparando e o barulho dos galhos de árvores balançando mostravam a força da ventania. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), em algumas regiões da cidade o vento chegou a atingir mais de 60 quilômetros por hora (km/h). A Defesa Civil emitiu um alerta para a possibilidade de chuva até a manhã desta quinta-feira.


A chuva que atingiu a capital mineira na madrugada começou por volta de 1h. “O ventos fortes atingiram a Pampulha entre 1h e 2h. Foi registrado 42 quilômetros por hora. Na Região de Cercadinho, por volta das 2h, chegou a 63,7 (km/h)”, explicou o meteorologista Claudemir de Azevedo, do Inmet. O acumulado de chuva na Pampulha foi de 29 milímetros, no Santo Agostinho, 5,1 mm, e no Cercadinho, 7,6mm.


A chuva deve continuar nesta quarta-feira. A Defesa Civil de BH emitiu um alerta para a possibilidade de pancadas de chuva até a manhã de quinta-feira. Elas podem ser acompanhadas por raios e rajadas de ventos que podem superar 50 km/h. “Estamos com uma intensificação de áreas de instabilidade decorrente do calor e da alta umidade. Isso é comum nesta época do ano”, afirma o meteorologista.


No interior de Minas Gerais também há previsão de temporais. As regiões da Zona da Mata Mineira, Oeste de Minas Gerais e Central devem ter atenção. A chuva deve ser em maior volume nestas áreas, de acordo com o Inmet.


Dezembro chuvoso


Belo Horizonte viveu um dezembro com chuva acima da média. Segundo o Inmet, o acumulado no período foi de 330 mm, para uma média de 319 mm, 3,4% a mais. No período, enchentes foram registradas na capital mineira, carros foram arrastados, árvores caíram e pessoas ficaram ilhadas.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade