Publicidade

Estado de Minas

Bandidos explodem caixas eletrônicos e furtam bancos e lojas no interior de Minas

As cidades de Formiga, Botelhos e Juruaia foram vítimas dos ataques de quadrilhas. Polícia Militar não conseguiu localizar e deter os suspeitos


postado em 12/12/2017 09:54 / atualizado em 12/12/2017 16:20

Agências bancárias de três cidades do interior de Minas Gerais foram alvo de ataques criminosos na madrugada desta terça-feira. A Polícia Militar registrou ocorrências em Formiga, na Região Central, e em Botelhos e Juruaia, no Sul do estado. 

Nos ataques ocorridos nas duas cidades da região Sul, a suspeita dos militares é que uma quadrilha tenha sido responsável pelas duas ações. Nenhum suspeito de participação nos crimes foi localizado e preso. 

Botelhos 


Os cerca de 15 mil moradores de Botelho foram acordados na madrugada desta terça-feira com tiros disparados por uma quadrilha composta por 15 pessoas que chegaram a cidade em duas caminhonetes e motos e realizaram cercos para impedir a ação de policiais militares. 

O sargento Adalberto Gonçalves, da 18º região da Polícia Militar, contou que os bandidos usaram fuzis de calibres 762 e 556 e espingardas de calibre 12 durante o ataque. O armamento pesado e a forma de atuação da quadrilha, segundo a sargento, dificultaram os trabalhos da polícia. 

"Eles chegaram à cidade e atiraram muitas vezes para o alto em pontos estratégicos, impossibilitando que os militares chegassem de imediato ou acionassem reforço. O pessoal que estava em serviço na hora teve que estabelecer um protocolo de segurança para poder iniciar o combate. A ação deles durou cerca de 30 minutos e os moradores ficaram assustados devido ao alto número de disparos," contou.

Segundo o sargento Gonçalves, os bandidos, que estavam em uma Fiat Toro preta e em uma Chevrolet S10 branca, foram primeiro à agência do Banco do Brasil, onde explodiram caixas eletrônicos e danificaram a estrutura da agência. Em seguida, a quadrilha foi a um terminal do Sicoob e repetiu a ação. 

Ainda não há informações se alguma quantia em dinheiro foi levada dos bancos. Entretanto, de acordo com o sargento, o grupo também foi responsável por um ataque em uma agência do Correios em Juruaia, cidade a 90km de Botelhos. 

Juruaia

Em Juruaia, a suspeita foi confirmada pelo sargento Moisés Vilanova, da 20ª companhia independente da Polícia Militar. O policial relatou que, por volta das 3h30, duas horas após o ataque em Botelhos, o grupo chegou a cidade, mas não explodiu o terminal. 

"Não foi explosão, foi um furto qualificado. Arrombaram a porta da frente do Correios e  utilizaram maçarico, serra e marreta para abrir o cofre e pegar o dinheiro. Com tiros, eles danificaram também as portas de vidro de uma loja loja de calçados a 80 metros da agência, entraram no estabelecimento e levaram diversos calçados, bonés e camisetas," explicou o militar. 

Ainda conforme o sargento, a S10 branca foi estacionada em frente aos Correios, enquanto a Toro preta, que também teria sido utilizada na explosão em Botelhos, deu cobertura à ação. "Tudo indica que são as mesmas pessoas, já que é muita coincidência, mas não podemos afirmar com certeza," disse o militar. 

Durante o ataque em Juruaia, os criminosos atiraram contra uma sorveteria para danificar câmeras de segurança instaladas na fachada dos estabelecimento. Munições de fuzil 556 e 762 e de espingarda calibre 12, usados em Botelhos, também foram encontradas nos arredores da agência dos Correios em Juruaia. 

As buscas pela quadrilha se concentram, conforme a Polícia Militar, nas zonas rurais dos municípios e em estradas que cortam a região. 

Formiga 


Um caixa do Banco do Brasil instalado dentro do Fórum de Formiga, no centro do município, também foi destruída naa madrugada desta terça-feira. A Polícia Militar informou que câmeras de segurança registraram o crime. 

Testemunhas contaram aos policiais que tiros foram disparados durante o ataque pelos 10 criminosos que ocupavam um Honda Civic. O grupo fugiu e não foi localizado. Equipes da Polícia Civil fazem os trabalhos de perícia no local nesta manhã. Buscas são realizadas pela Polícia Militar em municípios próximos para localizar os suspeitos. 
 
*Sob supervisão do editor Benny Cohen


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade