UAI
Publicidade

Estado de Minas

Operação investiga fraudes para obtenção de CNHs no Vale do Mucuri

Candidatos passavam endereços falsos. Investigação também constatou fraude no sistema de biometria


postado em 04/10/2017 12:30

Uma pessoa foi presa e 20 foram conduzidas coercitivamente na manhã desta quarta-feira durante a operação Direção Perigosa, que combate fraudes para obtenção de Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs) no Vale do Mucuri. A ação foi realizada pelo Ministério Público de Minas Gerais, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate do Crime Organizado (Gaeco), a Polícia Civil e Polícia Militar (PM).

Ao todo, foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão, um de prisão preventiva e 20 de condução coercitiva em Teófilo Otoni, Nanuque e Águas Formosas.

Foram cinco meses de investigação a partir de inquérito da Corregedoria-Geral de Polícia Civil. De acordo com o Ministério Público, a apuração mostrou que candidatos estariam usando endereços falsos para realizar exames de direção em Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretrans) diferentes de seus domicílios com o pretexto de uma suposta facilidade na aprovação. A infestigação também constatou fraude no sistema de biometria nas aberturas de aulas em Curso de Formação de Condutores.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade