Publicidade

Estado de Minas

Duas linhas de fogo destroem vegetação do Pico do Itacolomi

Equipes do Corpo de Bombeiros e brigadistas interromperam o quarto dia de trabalhos no fim da tarde desta quinta-feira. A área queimada ainda será mensurada


postado em 31/08/2017 18:11 / atualizado em 31/08/2017 22:56

Mais de 10 hectares de vegetação já foram destruídos (foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)
Mais de 10 hectares de vegetação já foram destruídos (foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

O incêndio que consome a vegetação no Pico do Itacolomi, entre Ouro Preto e Mariana, na Região Central de Minas Gerais, continua descontrolado. Equipes do Corpo de Bombeiros e brigadistas interromperam o quarto dia de trabalhos no fim da tarde desta quinta-feira. Os serviços serão retomados na madrugada desta sexta-feira. Duas linhas de fogo ainda destroem a área verde.

De acordo com o major Anderson Passos, do Batalhão de Emergências Ambientais e Resposta a Desastres (Bemad), os trabalhos seguem dificultados por causa dos ventos fortes e do calor. “O sol forte e os ventos dificultaram muito, principalmente a partir de 9h30. Isso favoreceu muito a progressão do incêndio e aumentou a área queimada”, explicou.

Os trabalhos começaram ainda de madrugada. Ao todo, 80 pessoas participaram do combate, entre brigadistas e bombeiros. Eles tiveram ajuda de cinco aeronaves, sendo um helicóptero e quatro aviões Air Tractor. “Após 12 horas de combate em campo, encerramos os trabalhos com todos extenuados. Agora, vamos recolher os equipamentos e planejar para começar cedo amanhã (sexta-feira)”, disse o major.

Na tarde passada, bombeiros e brigadistas chegaram a controlar o fogo, porém, uma nova linha surgiu em outro ponto, de maneira criminosa, e segue descontrolada. A estimativa é que mais de 10 hectares de vegetação tenham sido destruídos até quinta-feira. As chamas foram detectadas no parque por volta das 7h de segunda-feira. O incêndio se espalhou por uma área de acesso difícil, o que complicou a ação dos brigadistas.

Ver galeria . 4 Fotos Corpo de Bombeiros/Divulgação
(foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação )


Serra Verde

Outra área verde que sofreu com incêndio nesta quinta-feira foi o Parque Estadual Serra Verde, localizado na Região de Venda Nova, próximo à Cidade Administrativa, em Belo Horizonte. As chamas tiveram início por volta das 12h. O combate foi realizado por 20 militares, com apoio de duas viaturas e uma aeronave. Eles usaram abafadores para apagar o fogo.

O último foco foi combatido por volta das 14h. Depois, a aeronave realizou o resfriamento com água. A estimativa é de que o incêndio tenha destruído sete hectares de vegetação dentro e na área externa do parque.

 

(RG) 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade