Publicidade

Estado de Minas

Briga de vizinhos por vaga de garagem termina em morte

O motorista Márcio Soares foi morto com tiros de garrucha na porta de casa. O crime ocorreu em Santa Rita de Minas


postado em 27/08/2017 17:51 / atualizado em 27/08/2017 18:08

Márcio Soares, de 42 anos, foi morto à queima roupa na frente de casa(foto: Divulgação / PMMG)
Márcio Soares, de 42 anos, foi morto à queima roupa na frente de casa (foto: Divulgação / PMMG)

Uma briga de vizinhos em Santa Rita de Minas, na Região do Vale do Rio Doce, terminou de forma trágica neste domingo (27), com a morte de Márcio Soares Elias, de 42 anos. Depois de várias desavenças, o vizinho o matou à queima roupa, na frente da própria casa, por volta das 12h30. Foram tiros de garrucha calibre 38 e o autor está foragido.

Segundo a Polícia Militar, quem deu os tiros foi o vizinho da frente na rua Messias Cassiano, Bairro Caparaó, o operador de máquina José Raimundo Lopes, 63, conhecido como Zé Rolinha. Ele já foi preso anteriormente por porte ilegal de arma.

Arma precisou ser recarregada


“Houve vários disparos de arma de fogo e o corpo foi encontrado no local com várias perfurações na cabeça. Foram entre seis e oito tiros”, informou o comandante da cidade, o Segundo Sargento Roberto Miguel Junior. O policial destaca que a arma usada precisou ser recarregada várias vezes e que as cápsulas estavam no chão.

A perícia constatou marcas de chamuscamento na região do crânio, o que mostra que Mário Soares, que era motorista, foi morto à queima roupa.

Os dois vizinhos tinham desavenças por causa de uma vaga de garagem. Segundo informou a viúva Flaviany Soares Vieira Rosa, Zé Rolinha se sentia incomodado porque o vizinho Márcio parava o carro em frente à garagem dele, que o atrapalhava de manobrar. A briga já vinha de anos.

Foragido


O suspeito está foragido e a polícia tem algumas pistas, mas quem souber seu paradeiro pode ajudar. De acordo com o comandante, quem tiver informações que ajudem na busca de Zé Rolinha pode ligar para (33) 3321-2974.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade