Publicidade

Estado de Minas

Agentes apreendem drogas e celulares jogados por homem para dentro de presídio em MG

Procedimento interno foi aberto para identificar quem seria o receptor do material


postado em 17/08/2017 19:42 / atualizado em 17/08/2017 22:53

Foram apreendidos dez aparelhos celulares com baterias, sete barras prensadas de maconha, cada uma pesa um quilo, oito chips e oito carregadores dos telefones(foto: Seap/Divulgação)
Foram apreendidos dez aparelhos celulares com baterias, sete barras prensadas de maconha, cada uma pesa um quilo, oito chips e oito carregadores dos telefones (foto: Seap/Divulgação)

Um procedimento administrativo interno foi aberto pela coordenação da Penitenciária Doutor Manoel Martins Lisboa Júnior, em Muriaé, na Zona da Mata, para averiguar qual detento era dono de tabletes de maconha e 10 aparelhos celulares que foram apreendidos no local. O material foi jogado por um homem flagrado pelas câmeras de vigilância. Ele fugiu antes da ação dos agentes penitenciários.

O flagrante foi feito na última terça-feira. Agentes penitenciários avistaram, por meio do sistema de monitoramento, um homem tentando lançar objetos para dentro da penitenciária. Os agentes que ficam de vigilância na muralha da prisão conseguiram pegar o material antes que fosse resgatado por detentos.

Foram apreendidos 10 celulares com baterias, sete barras prensadas de maconha, cada uma com um quilo, oito chips e oito carregadores dos telefones. O material apreendido foi encaminhado para a Polícia Civil.
O material foi levado para a delegacia. Polícia Civil vai investigar o caso(foto: Seap/Divulgação)
O material foi levado para a delegacia. Polícia Civil vai investigar o caso (foto: Seap/Divulgação)

 

(RG) 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade