Publicidade

Estado de Minas

PMs estouram fábrica de armas artesanais e apreendem submetralhadora em Neves

Militares encontraram uma submetralhadora e maquinário para fabricação de outras armas artesanais. Motorista de ônibus foi morto recentemente por tiro de carabina artesanal


postado em 02/05/2017 20:48 / atualizado em 02/05/2017 23:25

Submetralhadora, maquinários e ferramentas estavam na casa de suspeito preso(foto: PMMG/Divulgação)
Submetralhadora, maquinários e ferramentas estavam na casa de suspeito preso (foto: PMMG/Divulgação)
Militares do 40º Batalhão da PM estouraram na tarde desta terça-feira uma fábrica artesanal de armas. No local, na Rua Pedreiras, Bairro Menezes, em Justinópolis, em Ribeirão das Neves, na Grande BH, foi apreendida uma submetralhadora, além de maquinário e ferramentas para a produção das armas.

Os policiais foram até o local depois de uma informação de que armamentos estavam sendo comercializados por meio das redes sociais.

No local, um homem foi preso suspeito de venda de submetralhadoras para criminosos de Justinópolis e regiões vizinhas. Os PMs fizeram um cerco em torno do imóvel que servia de fábrica, mas outros envolvidos, alertados por olheiros, conseguiram fugir. O suspeito que mora na casa foi preso em flagrante por posse ilegal de arma.

Em março passado, também em Ribeirão das Neves, no Bairro Veneza, foram apreendidas três submetralhadoras numa casa abandonada. Esse tipo de arma, que na gíria é conhecida por “macaquinha”, embora artesanal, tem poder de fogo e é letal.

Em 21 de abril, num assalto a ônibus, o motorista foi morto com um tiro na cabeça disparado de uma espingarda artesanal.

RB


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade