Publicidade

Estado de Minas

Incêndio mobiliza bombeiros no Sesc Tupinambás, Centro de BH

Fogo começou em uma caixa de energia e cinco pessoas foram socorridas, uma delas com queimaduras


postado em 19/09/2016 10:16 / atualizado em 19/09/2016 11:37

(foto: Paulo Filgueiras/EM/DA Press)
(foto: Paulo Filgueiras/EM/DA Press)
A Polícia Civil deve investigar as causas do princípio de incêndio que mobilizou bombeiros e equipes de resgate na manhã desta segunda-feira no Sesc Tupinambás, Centro de Belo Horizonte. Uma pessoas sofreu queimaduras e outras quatro precisaram ser socorridas. O prédio foi evacuado.

De acordo com o tenente Roger Tauschek, do Corpo de Bombeiros, o fogo começou em uma caixa de energia no 9º andar. Ao abrir o equipamento, um homem sofreu queimaduras no rosto e nos braços. Ele foi socorrido por pessoas no local e levado ao Hospital João XXIII.

Quatro viaturas dos bombeiros foram encaminhadas ao local. Quando os militares chegaram, o fogo já havia sido debelado e a quantidade de fumaça era menor.

Conforme o tenente, os bombeiros resgataram uma mulher que estava presa no elevador do 11º andar e inalou muita fumaça. Ela foi atendida por um médico do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e também levada para o João XXIII. Outras três pessoas, muito nervosas, foram retiradas do 4º andar do prédio.

Inicialmente, o Corpo de Bombeiros informou que cerca de 20 pessoas haviam se intoxicado com fumaça, mas o tenente Tauscheck confirmou que apenas as cinco pessoas citadas anteriormente foram atendidas.

Ainda conforme o militar, o princípio de incêndio não causou danos estruturais e a perícia da Polícia Civil foi chamada para vistoriar o local. A assessoria de imprensa do Sesc informou que o serviço está tomando todas as providências necessárias.


Publicidade