UAI
Publicidade

Estado de Minas Arte final

Publicitária volta à RC pronta para o que der e vier


23/01/2022 04:00

Araceli Mesquista
Álvaro Resende: "Tenho orgulho de dizer que é cria nossa" (foto: RC/Divulgação )

 
Com uma saudação efusiva em suas redes sociais, a agência RC Comunicação, uma das mais longevas de Belo Horizonte, comunicou ao mercado o retorno de uma de suas crias mais famosas: Araceli Mesquista. Com carreira de sucesso invejável, ela volta à casa entusiasmada, agora no cargo de diretora de planejamento. "Me sinto extremamente feliz e grata", ressalta Araceli, que diz estar iniciando um novo ciclo, com novos desafios. "Saio da minha zona de conforto, numa agência em que eu me sinto totalmente confortável, bem-vinda".
Formada em publicidade e propaganda pela PUC/MG e pós-graduada em administração de marketing pela Fumec, Araceli está há 30 anos no mercado. Atuou em todas as áreas de criação on e off-line, planejamento e marketing de conteúdo. Após se destacar como redatora na RC, em seus primeiros 11 anos de carreira, ela foi brilhar em outras grandes agências, como DM9DDB (SP), Contexto (diretora de criação), até se tornar sócia-fundadora e diretora de criação da 2004 Comunicação.

CAMINHO NATURAL Ela se diz honrada em voltar a "participar dessa equipe competente e inovadora; e foi esse espírito inovador do Álvaro Resende (diretor-presidente da agência), grande gestor, que eu respeito e admiro, que me levou ao planejamento. Existe um caminho natural entre criação e planejamento.  Assumo com muita coragem e comprometimento para trazer resultados para nossos clientes e para a agência".
 
Álvaro Rezende, por seu lado, reafirma seu orgulho pela volta da publicitária: "Bons filhos à casa tornam. Tenho orgulho de dizer que é cria nossa. Excelente profissional, tem emprestado seu talento para outras grandes agências. É motivo de orgulho para nós ver que profissionais que saem da RC, por um ou outro motivo, sempre retornam à agência, devido ao ambiente de trabalho, ao clima que encontram na casa, e principalmente pela organização da empresa".

EXPERIÊNCIA Entre seus principais clientes, atendeu o Jornal de Minas, Revista Encontro, Caixa Econômica Federal, TIM/Maxitel, General Motors, Itambé, Forno de Minas, Petronas, Governo de Minas, Cemig, BDMG, Loteria do Estado de Minas Gerais, Prefeitura de Belo Horizonte, Prefeitura de Betim, Carrefour, Minas Shopping, Minascasa, ItaúPower Shopping, entre outros, sempre com sua filosofia própria: "O melhor prêmio é gerar resultados para o cliente; os demais são o referendo de um trabalho reconhecido".

PRÊMIOS E esse "reconhecimento" está registrado em prêmios nacionais e internacionais expressivos como London International Advertising Awards, Clio Awards Festival (NY), New York Festival, UNDPI Awards – United Nations Department of Public Information Awards (ONU - NY), Profissionais do Ano da Rede Globo, Prêmio Abril Voto Popular e Prêmio Cliente da Revista About, prêmios Central de Outdoor regionais e nacionais, Festival Mundial de Gramado, prêmios Colunistas Regionais e Nacionais, festivais do anuário do Clube de Criação de MG, Grand Prix no Festival do Anuário do clube de Criação de MG e Prêmio Folha de São Paulo/Revista da Criação. 
 
Entre seus trabalhos, destacam-se campanhas como o lançamento do iogurte Grego Itambé, campanha "É esse que eu amo", para a Chevrolet, campanha de terceiro setor contra abuso sexual infantil, e violência doméstica "Salve nossas crianças", para o Servas, e "Reage Minas", ação filantrópica também para combate ao abuso, violência, drogas para a Rede Globo, onde foi criado um disque-denúncia. 

DESAFIOS Quais os desafios se apresentam? Araceli se mostra segura, confiante e preparada para abraçar novos projetos. "Ainda não sei (desafios), mas estou pronta para enfrentar o que surgir, com total comprometimento. Conto com uma equipe incrível e eles também podem contar comigo. Sei que tenho muito a aprender com todos."
 
Já sobre os novos projetos que estão no "forno", a profissional joga na retranca: "Nada que se possa falar ainda". No entanto, ela encara a realidade do mercado de peito aberto. "Com ou sem pandemia, precisamos nos manter ligados 24 horas por dia, é intrínseco à nossa profissão. Vamos nos adequando a essa nova realidade a cada dia", conclui.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade