Publicidade

Estado de Minas

Gisele Bündchen planta árvore no Green Nation Fest

Muda é uma das 50 mil que serão plantadas no Dia Mundial do Meio Ambiente. Top model venceu desafio da ONU.


postado em 04/06/2012 15:28 / atualizado em 04/06/2012 15:36

A top Gisele Bündchen, embaixadora das Nações Unidas para o Meio Ambiente, visitou as atrações do festival e plantou uma das 50 mil novas árvores que serão símbolo do Dia Mundial do Meio Ambiente. (foto: Felipe Panfili e Roberto Filho/AgNews)
A top Gisele Bündchen, embaixadora das Nações Unidas para o Meio Ambiente, visitou as atrações do festival e plantou uma das 50 mil novas árvores que serão símbolo do Dia Mundial do Meio Ambiente. (foto: Felipe Panfili e Roberto Filho/AgNews)

Faltam menos de dez dias para o início da Conferência Rio+20 e a agenda de eventos paralelos já traz ao Brasil personalidades envolvidas nas causas ambientais. Na manhã desta segunda-feira, véspera do Dia Mundial do Meio Ambiente, a top Gisele Bündchen, embaixadora das Nações Unidas para o Meio Ambiente, participou da primeira edição do Green Nation Fest, exposição que reúne cinema, educação, esporte e moda para falar de sustentabilidade. No evento realizado na Quinta da Boa Vista, na Zona Norte do Rio, a modelo visitou as atrações e plantou uma das 50 mil novas árvores que serão símbolo do Dia Mundial do Meio Ambiente. O festival com entrada gratuita segue até 7 de junho, das 8h às 17h.

O plantio da muda marca a conclusão do desafio do Dia Mundial do Meio Ambiente (WED). Em 2011, Gisele competiu com o ator americano e também Embaixador da Boa Vontade Don Cheadle para incentivar a participação global no Dia Mundial do Meio Ambiente. Para marcar a vitória da modelo brasileira no Desafio do WED, uma nova floresta será plantada em seu país.

Logo depois do plantio, Gisele acompanhou Izabella Teixeira, Ministra de Meio Ambiente do Brasil, numa coletiva para a imprensa e estudantes.

Green Nation

O Green Nation Fest é um festival interativo e sensorial realizado pelo Centro de Cultura, Informação e Meio Ambiente (CIMA), ONG que há mais de 20 anos desenvolve ações em parceria com instituições privadas, governamentais e multilaterais. O evento tem três grandes atrações: a Feira Interativa e Sensorial, Mostra Internacional de Cinema com 12 longas-metragens e Seminários Internacionais sobre "Economia verde e criativa", abertos para debates. A expectativa de público gira em torno de quatro mil visitantes por dia. Segundo Marcos Didonet, diretor do CIMA, o desafio dos realizadores do evento é fazer com que as pessoas saiam da experiência com um mínimo de compromisso para realizar práticas sustentáveis.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade