Publicidade

Estado de Minas GESTÃO

Grupo Boticário vai acelerar 13 startups com foco no varejo de beleza

Dos orgânicos ao bem-estar feminino, empresa divulga os selecionados para a primeira turma do projeto GB Ventures


25/02/2021 13:15 - atualizado 25/02/2021 12:31

Daniel Knopfholz, VP de tecnologia do Grupo Boticário, destaca que todos estão entusiasmados com o trabalho conjunto e com o potencial de inovação e solução dos problemas em conjunto com as startups (foto: O Boticário/Divulgação)
Daniel Knopfholz, VP de tecnologia do Grupo Boticário, destaca que todos estão entusiasmados com o trabalho conjunto e com o potencial de inovação e solução dos problemas em conjunto com as startups (foto: O Boticário/Divulgação)


O Grupo Boticário escolheu 13 startups em early stage para a primeira edição do GB Ventures, sua aceleradora de startups. De novembro a fevereiro, foram 137 inscritas e as eleitas foram aquelas que apresentaram mais alto potencial dentro dos três desafios propostos no anúncio de abertura de inscrições: Beautytech, Retailtech e Trendsetter.

Seis delas são dedicadas ao setor de beleza e apresentaram soluções de tecnologia em beautytech. Foram elas: Beauts, Bergamia, Feel, Hendrik, Meu Q e Pura. Em Retailtech foram duas: Flexsas e Minus. As outras cinco responderam os desafios em Trendsetter: Axondata, Be Beleza Tech, Beegol, Intless e PulpoAr .

Serão seis meses de aceleração, com muito conteúdo, mapeamento, pesquisa e desenvolvimento de soluções em conjunto com o Grupo Boticário. Ao todo, são sete módulos estruturantes que vão garantir uma visão transversal com inputs de branding, compliance, negócios e cultura da empresa, bem como conversas com nomes já consagrados no mercado para troca de experiências. Nas primeiras semanas do programa, as startups estarão focadas na fase de diagnóstico e mapeamento da jornada do consumidor.

"Estamos muito entusiasmados com esse trabalho conjunto e com o potencial de inovação e solução dos problemas que vamos desenvolver em conjunto com essas startups. O Grupo Boticário tem um parque de diversões para dar espaço para essas empresas se desenvolverem. Temos fábricas, armazéns, distribuição, canais próprios, canais terceiros, pontos de venda físicos, on-line, centro de Pesquisa & Desenvolvimento etc. Somos 4 mil lojas e milhões de revendedoras e consumidores", diz Daniel Knopfholz, VP de tecnologia do Grupo Boticário.

"A reunião da nossa estrutura, somada à essa energia transformadora dessas startups, tem o potencial de gerar coisas incríveis para os nossos clientes", continua. "As 13 selecionadas já apresentaram ótimos resultados em suas áreas e teremos muito a aprender com elas também", conclui Daniel Knopfholz.

Conheça melhor as startups escolhidas:


  1. Axondata: A Axondata tem como propósito tornar a Inteligência Artificial (IA) e o Big Data úteis e acessíveis de forma ágil e escalável para o mercado. O principal produto é a SOMMA, a primeira plataforma de IA e Big Data Analytics desenvolvida inteiramente na América Latina.
  2. Be Beleza Tech: É uma escola de beleza de bolso que ajuda os consumidores a fazer makes, rotinas de skincare e beleza utilizando realidade aumentada. A tecnologia ajuda a personalizar a aplicação dos produtos de beleza para as características pessoais dos consumidores.
  3. Beegol: A Beegol desenvolve modelos de machine learning que utilizam as bases de dados de clientes, complementadas por dados externos, com os quais enriquecem a base para fornecer recomendações de ações práticas para atingimento de um objetivo.
  4. Beauts: Marca de clean beauty lançada em 2019. Beauts significa beleza plural, com produtos de skincare e bem-estar para cuidar da beleza fora e dentro. Suas fórmulas trazem ativos naturais e orgânicos do mundo todo.
  5. Bergamia: Seus produtos são desenvolvidos levando em consideração três valores fundamentais: Beleza Limpa e Natural, Beleza Responsável e Beleza Criativa.
  6. Feel: A Feel faz parte do segmento de sexual wellness e cria produtos naturais, veganos e saudáveis que atendem as preocupações e desejos das suas consumidoras. A empresa acredita que o autocuidado íntimo significa respeitar nossos corpos.
  7. Flexsas: Surgiu como uma solução que oferta e interconecta os serviços de armazéns logísticos pelo Brasil, garantindo ocupação de suas estruturas e os conectando no contexto de operações flexíveis de warehousing e fulfillment para e-commerce de varejistas e indústrias.
  8. Hendrik: Focada em produtos de beleza masculinos, cuida do homem que se preocupa e que cuida de si, do próximo e do ambiente em que está. Além de produtos naturais, veganos e sem testes em animais, a Hendrik oferece um espaço de experiência em São Paulo.
  9. Intless: A Intless oferece uma solução de analytics que utiliza notas fiscais para ter uma visão centralizada de clientes. A startup resolve essa dor integrando e centralizando os dados de lojas físicas e canais digitais.
  10. Meu Q: Formula produtos de hair care personalizados, que atendam às necessidades específicas de cada cliente utilizando um algoritmo e Inteligência Artificial. Os produtos são formulados combinando as informações do seu Quiz com os desejos e preferências da cliente.
  11. Minus: O propósito da Minus é reduzir desperdício utilizando uma plataforma de gestão de vencimento e, ao mesmo tempo, para aqueles produtos próximo ao vencimento, escoar de forma inteligente e rápida a custo menor.
  12. PulpoAr: Solução de try-on de produtos que utiliza realidade aumentada. A startup acredita que a realidade aumentada é um dos pilares do futuro e está expandindo seu roadmap para fazer o futuro acontecer mais rápido.
  13. Pura: Glitter Biodegradável. Alternativa sustentável ao glitter plástico, o bioglitter é produzido pela Pura para evitar que milhares de toneladas de plástico sejam jogadas no lixo, poluindo rios e mares.

Para saber mais sobre o Grupo Boticário: https://www.grupoboticario.com.br/pt/Paginas/Inicial.aspx >


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade