Publicidade

Estado de Minas EMPREGO

Ericsson abre inscrições para programas de estágio e trainee 2020

Objetivo é atrair, inspirar e desenvolver jovens talentos com potencial para se tornarem futuros líderes e apoiar a expansão de negócios da empresa. São 70 vagas


postado em 14/08/2019 14:01 / atualizado em 14/08/2019 14:02

Telefonia é um mercado em alta e que exige profissionais qualificados(foto: Jenny Rollo/FreeImages)
Telefonia é um mercado em alta e que exige profissionais qualificados (foto: Jenny Rollo/FreeImages)


Estão abertas as inscrições para o Programa Talentos 2020 da Ericsson Brasil. Com 60 vagas disponíveis para estágio e 10 para trainees, o programa busca atrair os melhores jovens talentos do país, com potencial para serem líderes de negócios e contribuir com os planos de expansão da empresa no mercado.

A iniciativa está alinhada ao compromisso da Ericsson de renovar constantemente seu repertório de ideias e conceitos de inovação, para seguir se destacando como pioneira no setor em que atua.

Desde o ano passado, a empresa promove importantes mudanças culturais dentro da empresa para modernizar o ambiente de trabalho, aproximar as pessoas, permitir cada vez mais integração entre os times e troca de experiências, ser um celeiro vivo das melhores ideias e assegurar boas oportunidades de desenvolvimento pessoal.

"Inovação é palavra-chave na visão e na estratégia de negócios da Ericsson. O mundo se transforma a cada dia, nosso mercado vive em constante processo de evolução e nós acompanhamos esse movimento de perto. Abrir nossas portas para mentes jovens e inovadoras é parte fundamental da governança da empresa", diz Silvio Paciello, vice-presidente de RH para o Cone Sul da América Latina.

"Aumentamos em 20% o número de vagas no programa de estágio e dobramos as vagas para trainees neste ano, em comparação ao ano passado, para ampliar ainda mais o mix de idades e experiências", completa o executivo.

A valorização do profissional jovem é algo que está no DNA da empresa há muitos anos. Um grande exemplo disso é a história de Eduardo Ricotta, presidente da Ericsson para a região LATAM Sul. O executivo – que é graduado em engenharia de telecomunicações pelo Instituto Nacional de Telecomunicação (Inatel) e acumula mais de 25 anos de experiência profissional – começou sua carreira na empresa em 1993, justamente como trainee.

Segundo ele, o programa foi um divisor de águas em sua formação e em sua trajetória: "Quando participei do programa, me foi dada a oportunidade de interagir com as diferentes áreas de negócios da companhia. Todos os dias, era motivado a contribuir com soluções para os desafios das áreas, combinando os conhecimentos que eu havia acumulado durante minha graduação com os novos aprendizados adquiridos na interação com os executivos que já estavam na empresa há mais tempo. Esse mix de experiências e visões me preparou para os passos seguintes que pude dar na minha carreira, e que me levaram a ocupar posições de destaque na Europa, América do Norte e na América Latina".

Segundo Ricotta, o programa de atração de novos talentos está diretamente ligado à estratégia de negócios da empresa: "A Ericsson é líder em infraestrutura e soluções digitais para redes móveis no Brasil e no mundo há mais de 140 anos. Ao longo dos 95 anos de operação no Brasil, nossas ideias, tecnologia e pessoas mudaram o mundo e transformaram vidas, indústrias e a sociedade como um todo, e manter uma visão moderna, jovial e inovadora é fundamental para que sigamos desenvolvendo e entregando infraestrutura e soluções de Internet das Coisas, transformação digital e conexão 5G – tecnologia que deve revolucionar a forma com que nos conectamos com o mundo ao nosso redor".

Sobre o programa


O programa foi elaborado para oferecer a plataforma de desenvolvimento que os jovens talentos precisam para fazer um significativo avanço em suas carreiras, com experiências que irão maximizar suas habilidades de negócios, adicionar mais conteúdo aos seus repertórios e equipá-los para impactar positivamente o cenário global das telecomunicações.

Programa de Estágio

Com duração de até dois anos, proporciona aos candidatos a vivência da missão da Ericsson desde cedo. Por meio de experiências práticas e conteúdo especialmente preparado, o programa tem como objetivo enriquecer a formação acadêmica e o currículo dos estagiários selecionados.

Como benefícios, são oferecidos bolsa salário, assistência médica, assistência odontológica, seguro de vida, vale-transporte, restaurante no local ou vale-refeição (dependendo da localização), programa gympass, bicicletário e chuveiro (dependendo da localização).

Para se ser elegível à candidatura, o/a estudante precisa estar regularmente matriculado no nível superior, cursando em 2020 o penúltimo ou último ano.

Diferentes áreas são aceitas, com destaque para ciências da computação, engenharia elétrica, engenharia mecânica, engenharia produção, engenharia mecatrônica, engenharia eletrônica, engenharia de telecomunicações, engenharia de materiais, administração, direito, economia, matemática, sistemas de informação, publicidade & propaganda, relações públicas, marketing ou comunicação.

É necessário também ter inglês avançado (espanhol será um diferencial) e bons conhecimentos do pacote Office.

Programa de trainee


Com 12 meses de duração, oferece aos candidatos a possibilidade de obter uma visão global da empresa. O programa será planejado e orientado por executivos e profissionais da área de RH, visando proporcionar aprendizado diferenciado para que os trainees possam assumir, futuramente, posições de destaque na Ericsson.

Ao longo do ano, os selecionados irão passar por diferentes áreas da empresa para que conheçam todo o funcionamento do negócio, além de participar de sessões de coaching e mentoria com os executivos da companhia.

Há a possibilidade de experiência nos outros quatro escritórios da Ericsson no Cone Sul da América Latina para os cinco candidatos que mais se destacarem no programa.

A Ericsson oferece, como benefícios aos trainees, remuneração compatível com o mercado, vale-transporte, vale-alimentação ou refeitório no local, seguro saúde, seguro de vida, seguro dental e plano de previdência.

Para ser elegível, é preciso ter formação acadêmica entre Dez/2018 e Dez/2019.

Todos os cursos de bacharelado são de interesse, com destaque para administração, engenharia, tecnologia da informação, marketing, análise & desenvolvimento de sistemas e matemática.

Ter disponibilidade para viagens nacionais e internacionais, além de inglês fluente, são requisitos fundamentais. Espanhol será considerado um diferencial na decisão final pelo candidato.

Já para o programa de trainees:

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade