Publicidade

Estado de Minas EMPREGO

Saiba quais profissões serão mais buscadas em 2019

Levantamento de plataforma de trabalho freelance com atuação em toda América Latina revela áreas de tecnologia e criação que devem ser apostas certeiras dos profissionais


postado em 10/01/2019 14:00 / atualizado em 09/01/2019 16:36

(foto: mohamed_hassan /Pixabay)
(foto: mohamed_hassan /Pixabay)

 
Virada de ano é sempre um momento em que as pessoas se planejam para mudanças, seja de casa, de carro e até mesmo de profissão. Para quem está pensando em mudar de carreira, ou vai entrar no mercado de trabalho em 2019, a Workana, plataforma de trabalho freelance com atuação em toda a América Latina, aponta as áreas que estarão em alta no mercado digital e criativo.

Profissionais de suporte administrativo, suporte ao cliente, TI e programação, design e multimídia e marketing e vendas devem ser os mais buscados.

Guillermo Bracciaforte, cofundador da Workana, aponta que essa tendência acompanha a necessidade das empresas de entrar cada vez mais no meio digital: "Hoje, as empresas precisam estar no ambiente on-line, pois é onde os clientes estão. Por isso, os negócios digitais vêm crescendo exponencialmente, e, junto com eles, a área criativa também se expande, pois andam lado a lado".

Veja as profissões e habilidades que deverão ter mais procura pelas empresas:

Suporte administrativo
- Assistente virtual: crescimento de 1.096,59%
- Assistente administrativo: crescimento de 1.091,45%

Cada vez mais empresários e empreendedores contratam assistentes para realizar suas tarefas diárias, ou também as tarefas do seu negócio que são necessárias, mas não são prioridade em sua agenda. É possível notar um grande aumento na contratação de assistentes freelance, que se dá por conta da popularização desta nova profissão no último ano. "Dentro da evolução que vemos na Workana, as empresas começam com tarefas relacionadas ao website, design, marketing digital e logo descobrem que têm muito mais que podem dar para freelancers e a parte administrativa é a mais natural nessa evolução", aponta Bracciaforte.

Suporte ao cliente
- Suporte ao cliente: crescimento de 767,80%

Bracciaforte aponta que, na Workana, é possível observar uma tendência importante na área de suporte ao cliente, que vem crescendo muito nos últimos anos. Muitas empresas grandes estão investindo mais na área de suporte ao cliente para oferecer a melhor experiência possível ao lidar com o seu produto, e as PMEs também já descobriram isso, por isso optam cada vez mais por contratar freelancers de suporte ao cliente on-line: "Detectamos que a satisfação da pessoa que faz suporte quando ela consegue trabalhar de casa aumenta, é uma posição que normalmente tem muita rotação (pessoal saindo porque o trabalho é muito intenso) e que as empresas que escolhem ter pessoal remoto conseguem maior permanência".

TI e programação
- React: crescimento de 288,60%
- Mysql (sistema de gerenciamento de banco de dados): crescimento de 547,21%

React é uma das linguagens mais usadas para o desenvolvimento front-end, e é uma tendência por ser usada por muitas plataformas grandes, como Facebook (que foi quem a inventou), Airbnb, Twitter, entre outras. Além disso, se somada ao react-native, permite reaproveitar o código para também fazer um aplicativo móvel nativo.

Design e Multimídia
- Adobe After Effects: crescimento de 927,74%
- Adobe Photoshop: crescimento de 828,08%
- Edição de áudio: crescimento de 496,05%

Na área de design se nota uma tendência em multimídia, com maior procura de criação e edição de vídeos e áudios. O que se prevê é que este tipo de conteúdo será o mais consumido no futuro, o que comprova o crescimento de plataformas como o YouTube, Instagram e Spotify, por exemplo. Esses tipos de redes sociais pedem cada vez mais conteúdos complexos e com maior produção: agora, simples posts não são suficientes para ter a atenção do usuário.

Marketing e vendas
- Pesquisa: crescimento de .1556,86%
- Escrita criativa: crescimento de 733,98%

Em marketing a procura é cada vez maior por criação de conteúdo com o objetivo de atrair mais clientes através de ferramentas como e-mail, por exemplo. Também é possível notar que as empresas estão com uma preocupação maior em fazer pesquisas e trabalhar com dados e análises para melhorar os seus produtos.
 


Publicidade