UAI
Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Câmara dos EUA aprova projeto que facilitará processo para elevar teto da dívida


08/12/2021 12:27

Nos Estados Unidos, os principais legisladores republicanos e democratas chegaram a um acordo para iniciar um processo que visa aumentar o teto da dívida americana. Na terça-feira, 7, à noite, a Câmara aprovou por 222 votos favoráveis ante 212 contrários um projeto de lei que abre caminho para que o calote do país seja evitado. Agora, o projeto segue para o Senado, onde legisladores pretendem aprová-lo ainda nesta semana.

O acordo é o produto de semanas de negociações entre os líderes do Senado: o democrata Chuck Schumer e o republicano Mitch McConnell.

O projeto de lei em si não eleva o teto da dívida, mas estabelece um procedimento para uma votação adicional sobre a questão, permitindo que a aprovação se dê por maioria simples no Senado em vez dos 60 votos necessários para a maioria da legislação.

Embora o apoio do Partido Republicano não seja mais necessário para a votação sobre o limite da dívida, pelo menos dez senadores terão que apoiar a legislação que estabelece tal processo. Na terça, McConnell disse estar confiante de que a proposta conquistaria apoio republicano suficiente no Senado que conta com 50 representantes de cada partido.

Com o acordo, os democratas poderão aprovar o aumento do teto sem usar o processo de reconciliação. O Departamento do Tesouro americano já informou que pode perder a habilidade de cumprir as obrigações do governo a partir do dia 15, próxima quarta-feira.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade