Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas

Entenda como é calculado o preço do seu bife

Entressafra, dólar alto, China: qual o motivo de a carne estar custando uma fortuna? Este vídeo explica


postado em 13/12/2019 17:03 / atualizado em 13/12/2019 20:42



Seu churrasco das festas de fim de ano corre risco de não ter carne de boi? Saiba que você não está só. Com a disparada de preço, o alimento virou mesmo artigo de luxo no cardápio de muitos brasileiros. Entressafra, dólar alto, China, afinal, qual o motivo de a carne estar custando uma fortuna? Nesta semana, o presidente Jair Bolsonaro justificou o fenômeno como um problema momentâneo provocado pela entressafra, mas que os preços vão cair.

Como em economia tudo funciona em cadeia, o caso da escalada dos preços da carne bovina, especialistas apontam diversos fatores do mercado interno e externo que foram determinantes. O aumento das exportações da proteína animal para a China figura como a principal responsável pelo encarecimento.  Somente este ano, o país já comprou do 318,9 toneladas de carne bovina, 184,3 toneladas de carne suína, 448,8 toneladas de carne de frango.

A alta do dólar também contribuiu para a debandada da carne brasileira para fora. Com a moeda norte-americana a mais de quatro reais, vender para outros países é bem mais lucrativo para os produtores que a comercialização interna. E soma-se a isso, uma variável que leva à alta nos preços: a baixa oferta. Além das exportações brasileiras terem crescido acima do aumento da produção nacional, são 13% de crescimento da produção de carne bovina contra 40% no aumento das exportações em 2020, ainda tem a entressafra.

Especialistas da Fundação Getúlio Vargas acreditam que os preços só devem começar a cair no fim de janeiro e início de fevereiro de 2020. 

(foto: Arte/Hudson Franco)
(foto: Arte/Hudson Franco)



Publicidade