Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Mansueto não descarta outro contingenciamento


postado em 04/07/2019 13:07

O secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida, confirmou que o governo "possivelmente" fará um novo contingenciamento se houver corte na estimativa oficial do PIB e não houver receita extra, cenário que está se desenhando. Segundo o secretário, um novo congelamento, no entanto, deverá ser de "pequena magnitude", uma vez que há pouco espaço depois de mais de R$ 30 bilhões já terem sido cortados.

"A SPE (Secretaria de Política Econômica) está revendo o PIB, sabemos que não será mais 1,6%. E não vamos ter surpresa para cima em receita de petróleo. Se PIB cair e não tiver receita extra, possivelmente terá outro contingenciamento", afirmou.

O secretário disse que a nova projeção para o PIB deve ficar entre 0,8% e 1,2%, mas ressaltou que a projeção de PIB não cabe à sua secretaria.

Questionado sobre como o governo fará para cumprir promessas ao Legislativo durante a tramitação de projetos como a reforma da Previdência e da regra de ouro de autorizar despesas defendidas pelos parlamentares, Almeida disse que o governo terá que cortar de outros lugares. "De onde vai tirar, é decisão política. Eu só pago a conta", concluiu.


Publicidade