Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Tereza Cristina diz que Brasil conversará com China sobre protocolo


postado em 04/06/2019 17:03

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta terça-feira, 4, esperar que nos próximos dias a China avalie a documentação enviada pelo Brasil sobre as exportações de carne para o país asiático. Sobre o caso atípico de Encefalopatia Espongiforme Bovina (EEB), ou "mal da vaca louca", em Mato Grosso, lembrou que outros países também têm ocorrências como essas. "No ano passado, mais de 20 países tiveram uma ocorrência como essa, atípica, não é contagiosa, não tem perigo para ninguém, é uma coisa normal. Isso mostra transparência e governança do serviço de inspeção", disse em nota.

No comunicado, Tereza Cristina avalia que o fato não prejudica o comércio com o país asiático, e lembra que o a China é o único país que exige suspensão temporária quando detectado caso atípico de EEB. "Por isso vamos conversar no futuro sobre um novo protocolo."

Na segunda-feira, 3, o Ministério da Agricultura suspendeu temporariamente a emissão de certificados sanitários para a China até que a autoridade chinesa conclua sua avaliação das informações já transmitidas sobre o caso de Mato Grosso.

A ministra também lembrou que a OIE abriu o processo na última sexta-feira, 31, e já encerrou na segunda-feira, sem pedidos complementares, o que mostra que não há risco sanitário e que as exportações de carne bovina podem continuar normalmente para os demais países.


Publicidade