Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Escritório comercial do governo paulista em Dubai será inaugurado em fevereiro


postado em 24/05/2019 15:26

O governo de São Paulo vai abrir um escritório comercial em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, em fevereiro de 2020, anunciou o governador João Doria (PSDB) nesta sexta-feira, 24. Segundo o Executivo estadual, todos os custos da implantação serão financiados por empresas parceiras e pelo governo dos Emirados Árabes Unidos.

A expectativa do governo paulista é de que o escritório ajude a estreitar as relações comerciais com o país do Oriente Médio que, segundo o Executivo, importou US$ 603 milhões em mercadorias de São Paulo em 2018. "O comércio bilateral como um todo foi de US$ 2,596 bilhões, sendo que são Paulo representou 33%", disse Doria, em nota.

A criação do escritório foi definida na quinta-feira, 23, em reunião entre o governador João Doria, o sultão Ahmed Bin Sulayem, CEO da DP World e presidente da Cooperação de Portos, Aduanas e Zonas Francas de Dubai, e o cônsul geral dos Emirados Árabes em São Paulo, Ibrahim Salem Humaid Ali Alalawi.

É o segundo escritório internacional anunciado pelo governo de São Paulo em 2019. O primeiro, em Xangai, na China, tem inauguração marcada para o dia 9 de agosto.

O Estado de São Paulo já tem dois acordos comerciais com os Emirados Árabes Unidos, ambos de 2016. Um deles, de parceria com a Jebel Ali Free Zone (Jafza), possibilita a pequenas e médias empresas paulistas o uso de escritórios na Zona Franca de Dubai para exportar produtos para países do Oriente Médio, Norte da África e Ásia. O outro estabelece uma parceria de investimentos entre o governo paulista e a Dubai Investment Development Agency.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade