Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Equipe de Maldaner diz que projeto de autonomia do BC não prevê mudanças no CMN


postado em 19/11/2018 10:46

A assessoria de imprensa do deputado federal Celso Maldaner (MDB-SC) informou ao Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado) que o substitutivo do projeto sobre a autonomia do Banco Central, relatado por ele na Câmara, não prevê mudanças na composição do Conselho Monetário Nacional (CMN). No domingo, texto do jornal Folha de S.Paulo afirmava que a proposta previa um CMN composto por nove integrantes - e não três, como é atualmente.

Ainda neste domingo, a assessoria de Maldaner divulgou nota a respeito do assunto.

"A minuta de Lei de autonomia do Banco Central em análise na Câmara dos Deputados não prevê alteração na composição do Conselho Monetário Nacional", disse a nota da assessoria. "A minuta prevê o estabelecimento em lei das autonomias operacional e administrativa para o BC perseguir a meta de inflação estabelecida pelo CMN, incluindo a fixação de mandatos para seus dirigentes."

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade