Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Incerteza gerada no mercado por liminar levou a adiamento de leilão, diz Cesp


postado em 02/10/2018 11:34

A Companhia Energética de São Paulo (Cesp) informa que os membros do Conselho Diretor do Programa Estadual de Desestatização (CDPED) decidiram adiar o leilão de venda do controle acionário, que seria realizado nesta terça-feira, 2, para o dia 19 de outubro, em razão "da incerteza gerada no mercado pela concessão de liminar" pela Justiça do Trabalho da 2ª região.

A Justiça do Trabalho concedeu uma liminar em 28 de setembro suspendendo pelo prazo de 60 dias o leilão de privatização da Cesp, a qual foi derrubada nesta segunda-feira pela presidência do Tribunal Regional do Trabalho (TRT).

Segundo a ata da reunião de segunda-feira, o CDPED foi alertado pelo secretário da Fazenda, Luiz Claudio de Carvalho, sobre o risco de leilão ocorrer nesta terça, mesmo "em que se pese o esforço bem-sucedido de suspensão da decisão judicial".

Assim, os conselheiros decidiram recomendar ao Governador remarcar para o dia 19 de outubro o leilão, "com a adoção de todas as providências cabíveis".

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade