Publicidade

Estado de Minas

Líderes começam a chegar à casa de Maia para reunião sobre Previdência


postado em 30/01/2018 19:30

Brasília, 30 - Na primeira reunião do ano com lideranças políticas para tentar angariar votos e aprovar a reforma da Previdência, o governo busca traçar uma estratégia em busca de maior apoio à proposta. A menos de três semanas da data marcada para o início da votação, 19 de fevereiro, o governo ainda está longe de ter os 308 votos necessários para aprovar o texto.

A reunião convocada para esta terça-feira, 30, na residência oficial do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), deve contar com a presença de lideranças da base aliada do governo.

Já chegaram à residência oficial o ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, o líder do governo no Congresso Nacional, deputado André Moura (PSC-SE), o líder do MDB na Câmara, Baleia Rossi (SP), o líder do PR na Câmara, José Rocha (BA), o indicado para líder do PSDB, Nilson Leitão (MT), e o vice-líder do governo na Câmara, Beto Mansur (PRB-SP).

(Idiana Tomazelli)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade