Publicidade

Estado de Minas

Dilma critica atuação do Federal Reserve


postado em 06/09/2013 10:55 / atualizado em 06/09/2013 11:01

A presidente Dilma Rousseff criticou a atuação do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) que sinalizou recentemente que pretende reverter a política monetária frouxa adotada ao longo dos últimos anos nos Estados Unidos. Em meio a uma confusão diplomática com o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, pela suspeita de espionar o governo brasileiro, Dilma disse que "houve um problema de comunicação (do Fed) com o mercado".


Segundo Dilma, o tema foi debatido pelos membros da reunião de cúpula do G-20, em especial os países em desenvolvimento e emergentes. "Isso foi muito insistido pelos países: para que houvesse melhor comunicação com os mercados e para que houvesse uma transição mais tranquila", disse, após observar que muitos países emergentes viram "perda de valor de ativos" com o início da sinalização de reversão da política monetária dos EUA.

"Ninguém ficou discutindo se cabia ou não cabia essa medida. Mudou a conjuntura. Foi dado que essa é uma decisão doméstica, mas que há spill over (transbordamento da medida). Não é uma avaliação de valor. É diferente, é um outro tipo de postura. Mas tem de tomar providência. Não pode nem comunicar mal, nem fazer uma transição abrupta", disse Dilma.


Publicidade