Publicidade

Estado de Minas

Lançamento de imóvel residencial cai 23,1%


postado em 05/09/2013 08:51

Os lançamentos de imóveis residenciais na capital paulista somaram 1.403 unidades em julho, 23,1% abaixo do mesmo mês de 2012 e 60,7% inferior ao resultado de junho, de acordo com pesquisa divulgada há pouco pelo Sindicato da Habitação de São Paulo (Secovi-SP).

Em julho, houve uma desaceleração no mercado imobiliário explicada por fatores sazonais, segundo o sindicato. Durante o mês de férias, há um arrefecimento já esperado no setor. Os resultados de 2013, por outro lado, mostram expansão na comparação com 2012. No acumulado dos primeiros sete meses do ano, os lançamentos chegaram a 15.386 unidades, 39,3% mais que no mesmo período do ano passado.

As vendas de imóveis residenciais novos em São Paulo totalizaram 1.674 unidades em julho, volume 0,9% inferior ao registrado no mesmo período de 2012. Na comparação com junho, a queda foi de 56,8%. O valor movimentado com as vendas atingiu R$ 857,9 milhões em julho, recuo de 6,3% ante o mesmo mês do ano passado, considerando valores já atualizados.


No acumulado dos primeiros sete meses de 2012, foram vendidas 19.174 unidades, aumento de 40,3% comparado ao mesmo período de 2012. Em valores, as vendas já atingiram R$ 11,56 bilhões, alta de 54,6%.

A velocidade de vendas - medida pela razão entre o total de unidades comercializadas e o total de unidades lançadas nos últimos 12 meses - foi de 65,5% em julho, acima dos 64,9% de junho e dos 56,7% de dezembro.

Diante do crescimento do mercado visto ao longo do ano, o Secovi-SP projeta expansão de 30% nas unidades vendidas em 2013.


Publicidade