Publicidade

Estado de Minas

Renault entra em acordo com proprietária de Mégane danificado


postado em 22/03/2011 19:00 / atualizado em 22/03/2011 19:25

Uma semana depois de conseguir uma liminar para impedir que a consumidora Daniely de Andrade Argenton mantivesse na internet um site, um perfil no twitter e outro no facebook em que reclamava de um Mégane 2.0 a Renault se arrependeu da atitude e fez um acordo com Daniely. “A empresa reconhece que houve falhas em seus procedimentos internos e lamenta o acontecido”, informa nota da empresa. Além disso, a nota também complementa que a empresa “sempre buscou, junto aos representantes da cliente, uma solução conciliadora para o caso”.


O acordo, segundo Daniely, tem termos que podem ser divulgados e outros que não. É público que a empresa doou a pedido dela um Renault Clio para a Associação de Assistência a Criança Deficiente (AACD) e retirou a liminar contra a consumidora. Porém, a compensação pelo problema do carro não foi revelada, mas Daniely diz que ficou satisfeita. “Vou continuar com o site e com os perfis nas mídias sociais como um canal para que os consumidores reclamem”, afirma.

Proprietária do Mégane explica o caso. Assista o vídeo

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade