Publicidade

Estado de Minas ARTES VISUAIS

Festival 'Durante,' começa com apresentação de 12 vídeos de performances

Trabalhos dos artistas refletem sobre a relação do corpo com a terra, com olhar político, e evocam a memória artística das cidades onde foram produzidos


08/04/2021 04:00 - atualizado 08/04/2021 07:40

Performance
Performance "Depil(ação)", de Pedrosa Camilo (foto: Pâmela Bernardo/divulgação)
Em 1970, durante a Semana de Arte de Vanguarda, o Parque Municipal Américo Renné Giannetti, em Belo Horizonte, serviu de cenário para a mostra 'Do corpo à terra', que investigou a relação dos artistas com seus próprios corpos e as implicações políticas disso. Esses dois motes servem de base para a 11ª edição do festival ''Durante,'', que começa nesta quinta-feira (8/4).

Até a próxima segunda-feira (12/4), ficam disponíveis 12 vídeos de performances escolhidas pelos artistas e curadores Paulo Nazareth, Shima e Camila Buzelin, cujo trabalho foi coordenado pela pesquisadora Yacy-Ara Froner. Explorando diferentes propostas, os trabalhos refletem sobre a relação do corpo com a terra e evocam a memória artística das cidades onde foram produzidos. Além disso, eles desafiam o universo digital para o qual foram criados.

''Esta edição tem uma gênese diferente das outras'', conta Francesco Napoli, um dos criadores do festival. ''Sempre pensamos o 'Durante,' como um festival presencial, que acontece num espaço determinado. Uma oportunidade de aproximação com propostas contemporâneas. Agora, nosso desafio principal é atrair o público para refletir sobre algo mediado por uma tela.''

A convocatória de trabalhos, aberta no início de março, recebeu mais de 170 inscrições de todo o Brasil. O único pré-requisito era o diálogo com ''Do corpo à terra''. ''Esse é um evento muito pouco falado e estudado, mas que desempenhou um papel muito importante para BH. Colocou em evidência a expressão de artistas que vinham sofrendo a repressão. Por isso é tão fácil relacioná-lo com o que estamos vivendo hoje. O Brasil experimenta esses discursos reacionários da extrema-direita, esse saudosismo estúpido da ditadura. E apesar de não termos uma censura institucionalizada como no passado, ela está presente'', avalia.

Entre os artistas mineiros selecionados estão Daniel Bretas, Pedrosa Camilo, Ciber_Org, Rodrigo Augusto de Souza Antero, Nanaue e Mamutte. Também participam os artistas Aline Luppi Grossi, do Paraná; Dona Conceição, do Rio Grande do Sul; Roberta Pereira de Miranda, de Goiás; Lívio, do Ceará; e Luna Recaldes e Clara de Clara, ambas de São Paulo.

MESAS 

O festival ainda promove mesas virtuais de debate via YouTube. Nesta quinta-feira (8/4), às 19h, Francesco Napoli, Yacy-Ara Froner e Marília Andrés Ribeiro participam de uma mesa de abertura para falar sobre o festival e a programação da 11ª edição.

Estão programadas três rodadas de conversas com os artistas selecionados, que falarão sobre seus trabalhos, intenções e percursos. Elas ocorrem em 8, 9, 10 e 11 de abril, sempre às 21h, por meio do Instagram do festival (@festivaldurante).

No dia 12, às 21h, o ''Durante,'' encer ra sua programação com uma conversa com Manfredo Souzanetto, artista mineiro que participou de ''Do corpo à terra''. Mais tarde, às 23h, vai ao ar na rádio UFMG Educativa o programa “Tropofonia”, especial sobre o evento.

“DURANTE,”
Desta quinta-feira (8/4) a segunda-feira (12/4). Gratuito 
Mais informações no site do festival 

"Sempre pensamos o 'Durante,' como um festival presencial. Agora, nosso desafio principal é atrair o público para refletir sobre algo mediado por uma tela"

Francesco Napoli, criador do "Durante,"


Programação

QUINTA (8/4)
19h – Mesa de abertura com Francesco Napoli, Yacy-Ara Froner e Marília Andrés Ribeiro (YouTube)
21h – Conversa com os artistas Ciber_Org (MG), Mamutte (MG) e Nanaue (MG) (Instagram)

SEXTA (9/4)
19h – Mesa: Itinerário crítico, com Ana Cecília Soares, Guilherme Bueno e Rita Lages (YouTube)
21h – Conversa com os artistas Aline Luppi Grossi (PR), Pedrosa Camilo (MG) e Lívio (CE) (Instagram)

SÁBADO (10/4)
19h – Lançamento e audição comentada do álbum do Coletivo nMUnDO (Zoom)
21h – Conversa com os artistas Dona Conceição (RS), Roberta Pereira de Miranda (GO) e Rodrigo Antero (MG) (Instagram)

DOMINGO (11/4)
19h – Lançamento do e-book com Yacy-Ara Froner e Sandra Makowiecky (YouTube)
21h – Conversa com os artistas Luna Recaldes (SP), Daniel Bretas (MG) e Clara de Clara (SP) (Instagram)

SEGUNDA (12/4)
19h – Mesa: ''Do corpo à terra'' 50 anos depois, com Celso Favaretto e Maria Angélica Melendi (YouTube)
21h – Conversa com Manfredo Souzanetto (Instagram)
23h – Tropofonia especial ''Do corpo à terra'' (Rádio UFMG Educativa)


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade