Publicidade

Estado de Minas COMPORTAMENTO

Sonhos: estado da consciência

Além da psicanálise, a interpretação dos sonhos faz parte da cultura popular, em que os significados foram desenvolvidos de maneira mais lúdica


15/11/2020 04:00 - atualizado 13/11/2020 10:31

(foto: Pixabay)
(foto: Pixabay)


O astrólogo e místico Ricardo Muri explica que o sonho é definido e interpretado dentro da astrologia lendo e entendendo Netuno. “Netuno é o planeta que rege a constelação de Peixes e um dos mais difíceis e complexos de entender, justamente porque é quem descobre os mistérios entre o céu e a Terra. A maior ilusão ou o maior gênio você descobre por meio de Ne- tuno. A compreensão e a interpretação de Netuno são algo fora da realidade.”
 
Ricardo Muri diz que a astrologia lê os sonhos pela casa da psique, que é o momento em que conseguimos entender o subconsciente neurológico, o que está por trás da consciência humana, a verdade absoluta. E é exatamente este ponto da verdade absoluta que nos faz compreender os sonhos.
 
Conforme o astrólogo, os sonhos bons e ruins existem, assim como presságios, sonhos premonitórios e elucidativos. “Os sonhos bons ou ruins dependem da interpretação e do sentir de cada um. Às vezes, um sonho pode indicar para a pessoa não se casar. Ela terá o livre-arbítrio para confiar ou desconfiar daquele sonho. Ela poderá confiar na intuição do sonho de não seguir adiante, seja adiar o casamento ou pode ocorrer com uma viagem, por exemplo.”
 
Ricardo Muri, astrólogo e místico, diz que sonhos podem ser recados premonitórios ou elucidativos e as pessoas precisam acreditar (foto: Clei Cavalheiro/Divulgação)
Ricardo Muri, astrólogo e místico, diz que sonhos podem ser recados premonitórios ou elucidativos e as pessoas precisam acreditar (foto: Clei Cavalheiro/Divulgação)
 

O significado dos sonhos, de maneira geral, vai muito da interpretação das palavras e do sentido. Muitas vezes, na astrologia, interpretamos a vontade que está dentro da pessoa, oculta, que ela não consegue perceber ou acreditar. “E por meio dos sonhos vem como uma martelada na cabeça da pessoa.” Ricardo Muri assegura que os sonhos são desejos emitidos por meio da energia cósmica para dentro de nós, até desejos reprimidos, que não queremos. “São recados premonitórios ou elucidativos e as pessoas precisam acreditar nesses sonhos.”
 
Quanto ao pesadelo, o místico destaca que ele é uma válvula que a pessoa precisa ajustar, uma transformação ou uma grande mudança. Às vezes, a pessoa está passando por muitas coisas na vida, acreditando que está fazendo tudo certo, mas agindo de forma inconveniente, não muito correta. O pesadelo vem para despertá-la, como se fosse um sinal vermelho para que pare e faça uma reflexão sobre a vida.
 
“A pessoa muitas vezes se assusta, mas o pesadelo é um sinal do universo fazendo com que ela olhe mais para si. Como se Deus mandasse um alerta, para que a pessoa passe a olhar para dentro, analise suas atitudes, se estão condizentes com a lei universal. Alguns sonhos são maravilhosos e dependem da carga energética de cada pessoa. Servem como válvula de escape para tirar a tensão do corpo, mas 99% deles têm o sentido de passar recados, são desejos”, diz.
 
O místico destaca que o destino interfere completamente nos sonhos. “Quando vem para a Terra assina um contrato no céu e, ao chegar aqui, é como se tivesse a obrigação de cumprir sua jornada ao longo do seu destino. Por exemplo, quando está em sua caminhada e, de repente, por meio de amizades ou momento, sai da rota, o sonho é como se trouxesse você de volta para seu eixo. As pessoas mais sensitivas, com espiritualidade mais evoluídas ou que tenham o dom da paranormalidade, conseguem levar a vida por meio do sentir seus sonhos. Os sonhos são usados como indicação do caminho com clareza, mudando suas vidas e de quem está próximo.”



receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade