Publicidade

Estado de Minas JAECI CARVALHO

Contra o Boca, o Galo terá o jogo de sua vida

É o pior Boca Juniors que já vi, mas é simplesmente hexacampeão da Libertadores, e um dos maiores clubes do mundo. Já o Galo, todos sabemos, e a verdade dói.


18/07/2021 14:31 - atualizado 18/07/2021 14:41

Um cara outro dia mandou uma mensagem, dizendo que o 'Atlético é mais importante que sua família'(foto: Pedro Souza / Atlético)
Um cara outro dia mandou uma mensagem, dizendo que o 'Atlético é mais importante que sua família' (foto: Pedro Souza / Atlético)
O Galo derrotou o Corinthians por 2 a 1, de virada, com dois gols de Hulk. Assisti ao jogo, mas não tive forças para escrever e gravar, pois estou com o nariz congestionado, dor de cabeça e febre. Tomei as duas doses da Pfizer há 3 meses, mas a vacina não impede a contração da doença, mas não te deixa morrer.
 
Por prevenção, estou em um quarto, isolado, usando máscara, até que o resultado do teste saia, neste domingo. Hoje acordei melhor, já gravei, e estou aqui escrevendo. Há um grupinho de idiotas e imbecis, que a cada gol do Hulk, me manda mensagem perguntando se o Galo não deveria rescindir com ele?

São os “valentes” das redes sociais, esses que batem em mulheres, e que diante do delegado, choram. São os mesmos que me veem nas ruas e pedem fotos e autógrafos. Gente doente, mal amada, mal resolvida e fracassada.
 
Eu não retiro em nada o comentário que fiz. Primeiro, porque o Hulk foi indicação minha ao meu amigo, Sérgio Coelho, ainda em novembro, quando ele não tinha assumido. Segundo, porque quando fiz o comentário, Hulk tinha jogado 11 partidas, e estava mal, sem gols, e completamente fora de sintonia. Fiquei com vergonha de tê-lo indicado ao Sérgio.

Depois Hulk brigou com Cuca, aí arranjou um lugar como centroavante e começou a marcar gols, alguns contra equipes de qualidade duvidosa. Recentemente, ficou mais 10 jogos sem marcar, até que contra o Corinthians, marcou os dois gols, um deles, em cobrança de falta, um golaço. Os “entendidos” dizem que ele dá assistências.
 
Ora, senhoras e senhores, o cara ganha R$ 1,3 milhão mensais para fazer gols. Atacante tem que fazer gols. Pelo menos, sempre foi assim, na época de ouro do nosso futebol. Com certeza os puxa-saco do Hulk são os que morrem de fome, estão desempregados, são odiosos e “valentes” das redes sociais. O atleticano coerente, sabe muito bem que eu estava certo, quando sugeri a rescisão dele.

O Galo tem agora o jogo de sua vida, terça-feira, contra o Boca, no Mineirão. É o pior Boca Juniors que já vi, mas é simplesmente hexacampeão da Libertadores, e um dos maiores clubes do mundo. Já o Galo, todos sabemos, e a verdade dói.
 
Tem o título brasileiro de 1971, com o saudoso presidente, Nélson Campos, a Libertadores, Copa do Brasil e Recopa, com o maior e mais vencedor presidente da história do clube, Alexandre Kalil, e nada mais. Esta é a realidade. Talvez por isso, o Atlético tenha alguns torcedores tão odiosos, revoltados e fracassados em suas vidas pessoais. Um cara outro dia mandou uma mensagem, dizendo que o “Atlético é mais importante que sua família.”
 
Um cara que diz isso, além de imbecil, é perigoso, pois pode até matar pelo clube. Deveria estar internado em um hospício. Infelizmente, o mundo em que estamos vivendo é esse. Gente odiosa, que entra nas redes sociais para agredir. Tenho visto vários artistas sofrendo com ameaças e comentários maldosos.
 
Ainda bem que temos a tecla para bloquear. As redes sociais deveriam ser um canal de interatividade, mas num país onde a educação é o último segmento a receber investimento dos governos, não poderíamos esperar outra coisa. Por isso, daqui pra frente, vou fazer como alguns companheiros, que não respondem nem aos comentários do bem, nem do mal.

A “geração nutella”, que não lava uma cueca, não arruma a cama, não faz seu próprio café, se revolta por tudo e por nada. Para eles, a verdade machuca demais. Nos países como aqui nos Estados Unidos, você consegue identificar e processar alguns desses idiotas. Telefone vazado aqui dá cadeia. Aí, fica por isso mesmo.
 
Porém, todos os que mandam mensagens agressivas, encaminho para um delegado amigo meu, que arquiva tudo. Uma hora, com certeza irão responder à Justiça.

Que o Galo passe pelo Boca, que Hulk faça os gols da vitória e continue a dar alegrias aos atleticanos do bem, e também aos frustrados e revoltados. Hulk, com seu avião, sua vida milionária, conquistada com seu suor e trabalho, e seus seguidores, doentes, que nunca terão a vida dele, mas que se deliciam em gozar com a vida alheia. Entenderam?
 
E, pra fechar, quando vejo alguns pedindo Hulk na Seleção, vou deixar um dado aqui: em 49 jogos na Seleção Brasileira principal, disputando Copa do Mundo, das Confederações e América, sabe quantos gols ele fez? NENHUM! Isso mesmo. Ele tem apenas 11 gols em amistosos. Contra fatos não há argumento. 

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade