Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas EM DIA COM A POLÍTICA

O dia em que os principais presidenciáveis estiveram na capital baiana

Jair Bolsonaro, Lula, Ciro Gomes e Simone Tebe fizeram campanha em Salvador, de olho no voto nordestino


03/07/2022 04:00 - atualizado 03/07/2022 08:40

Bolsonaro reuniu apoiadores e fez passeio de moto no Farol da Barra
Bolsonaro reuniu apoiadores e fez passeio de moto no Farol da Barra (foto: ARISSON MARINHO/AFP)

“Você já foi à Bahia, nega? Não? Então vá! Quem vai ao Bonfim, minha nega, Nunca mais quer voltar. Muita sorte teve, muita sorte tem, muita sorte terá. Você já foi à Bahia, nega? Não? Então vá! Lá tem vatapá! Então vá! Lá tem caruru, Então vá! Lá tem munguzá, Então vá! Se quiser sambar. Então vá!”

O pré-candidato à Presidência da República pelo PT, Luiz Inácio Lula da Silva, participou do desfile cívico da Independência do Brasil na Bahia, nas ruas de Salvador, na manhã deste sábado. Oficialmente, a participação dele não estava prevista no ato público. Só que ele foi acabou cercado por uma multidão durante a sua chegada.

O desfile cívico que marca as comemorações do 2 de Julho no estado contou com a participação de três pré-candidatos à Presidência da República: além de Lula, Ciro Gomes (PDT) e Simone Tebet (MDB) caminharam em meio ao povo nas ruas da capital baiana.

O presidente Jair Messias Bolsonaro (PL) também esteve na Bahia. E foi lá que disse, no ato em Salvador, que o Nordeste é parte “importantíssima do país”. Ele afirmou também que as pessoas vão sentir “no ano que vem os benefícios do que ele chamou de vitória da nossa economia”.

Já que estamos falando dele é melhor aproveitar a deixa: “Lamento que os nove governadores do Nordeste tenham entrado na Justiça contra a redução de impostos na gasolina. Isso é inadmissível. Vamos acreditar que a Justiça não dará ganho de causa a essas pessoas. E nós teremos, brevemente, assim como já baixei ou zerei a maioria dos impostos federais, teremos um dos combustíveis mais baratos do mundo”.

Como sempre, Jair Bolsonaro discursou também sobre as pautas de costumes, desta vez no Rio de Janeiro, para onde foi depois de deixar Salvador, onde fez mais um passeio de moto com apoiadores. Em evento evangélico transformado em comício, o chefe do Executivo federal disse que Lula, seu principal adversário na corrida presidencial e que lidera nas pesquisas de intenção de voto, quer liberar o aborto e as drogas e acabar com a família brasileira. Já basta, né?

Pura violação

Ciro Gomes, pré-candidato à Presidência pelo PDT, classificou a aprovação da PEC dos benefícios sociais no Senado como um estelionato eleitoral gravíssimo e cobrou que o Supremo Tribunal Federal (STF) torne a medida inconstitucional. “É uma emenda que permite a população acreditar que vai ser salva por um socorro, mas que só vale até dezembro. O que significa um estelionato eleitoral gravíssimo e uma violação da própria Constituição que não pode ser emendada com tal vileza. Espero que o STF ponha um reparo a este absurdo”. Para ser justo, faz sentido mesmo.

Esta é cultural

As comissões de Cultura, de Trabalho e de Administração e Serviço Público da Câmara dos Deputados vão realizar na quarta-feira o seminário sobre o marco regulatório do fomento à cultura. O evento contará com três mesas de debates a partir das 15h30, no plenário 10. A lista de convidados inclui o ex-ministro da Cultura Juca Ferreira, além de representantes de conselhos estaduais de cultura, secretários e dirigentes estaduais e municipais de cultura, pesquisadores, artistas e produtores culturais.

E tem a educada

A Comissão de Educação, Ciência e Tecnologia da Assembleia Legislativa (ALMG) vai verificar as condições de segurança de toda a comunidade escolar, em conformidade com o “Manifesto de Moradores e Pais de Alunos de Piedade do Paraopeba”. A proposição tem por objetivo debater o eventual descumprimento, por parte da Vallourec Mineração. A justificativa apresentada pela presidenta da comissão e autora do requerimento de visita, deputada Beatriz Cerqueira (PT), é de as denúncias são de empresa sem licença ambiental na barragem É ainda a novela sem fim.

Patrícios abertos

Os brasileiros são bem-vindos em Portugal, inclusive dispondo de novas leis que facilitam a entrada e a procura por trabalho, afirmou o presidente português, Marcelo Rebelo de Souza. Ele participou, ontem da cerimônia alusiva ao centenário da primeira travessia aérea do Atlântico Sul, pela expedição Lusitânia, em homenagem ao então centenário da Independência do Brasil. Rebelo de Souza destacou ainda um novo tipo de visto, que permitirá aos brasileiros entrarem em Portugal para procurar emprego: “Vai entrar em vigor o novo visto para procurar trabalho, muito em breve.

Não deu certo

O presidente de Portugal, Marcelo Rebelo do Sousa, se manifestou após Jair Bolsonaro (PL) desmarcar um encontro entre os dois previstos para a próxima segunda-feira, em Brasília. “Quem convida para almoçar é que decide se quer almoçar ou não. Se o presidente da República Federativa do Brasil pretende que não pode, não quer, não é oportuno, que não entra na sua programação. Eu respeito quem convida deixar de convidar pelas razões que queira, por inoportunidade política, pessoal”, disse Rebelo.

Pinga-fogo

A primeira-dama do Brasil, Michelle Bolsonaro, participou, ontem, da Marcha para Jesus, em Brasília, representando o seu marido presidente, Jair Bolsonaro (PL), que viajou para a Bahia para realizar uma motociata.

Em meio ao escândalo de pastores e depois da prisão do ex-ministro Milton Ribeiro, apontados como pessoas próximas a primeira-dama, Michelle ( afirmou em seu discurso: “As portas do inferno não prevalecerão contra a nossa família”.

“Ainda persiste uma grande lacuna nas relações de fomento cultural, em especial quanto à natureza jurídica dos instrumentos específicos para financiamento”, fez questão de ressaltar a deputada Áurea Carolina (Psol-MG), que é a autora da proposta de marco regulatório da cultura.

Dia do Bombeiro em Brumadinho, na Santa Casa, nas chuvas, nas matas incendiadas... Eles trabalham incansavelmente em meio a toda sorte de imprevistos e desafios. Nossos sinceros agradecimentos por dedicarem tanto da vida de vocês para cuidar das nossas. A data merece.

Sendo assim, já é hora de encerrar por hoje. Bom domingo a todos. FIM!
 



*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade