Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Vestidos fluidos são a cara da primavera

Peça em estampas neon, animal print ou poá estão em alta, são ideais para qualquer ocasião e deixam o look ainda mais fashionista


postado em 13/09/2019 04:00 / atualizado em 12/09/2019 18:25

Vestidos fluidos estão em alta, são ideais para qualquer ocasião, deixam o look fashionista e caem bem com qualquer tendência, seja neon, poá ou animal print (foto: Fotos: MF Press Global/Divulgação)
Vestidos fluidos estão em alta, são ideais para qualquer ocasião, deixam o look fashionista e caem bem com qualquer tendência, seja neon, poá ou animal print (foto: Fotos: MF Press Global/Divulgação)

A primavera chega em 23 de setembro e os vestidos fluidos estão em alta. Ideais para qualquer ocasião, a peça é a união de elegância e frescor. Além das tradicionais estampas florais, esses tecidos levinhos de corte delicado também podem ser incorporados às padronagens com tendências atuais, tornando o look ainda mais fashionista. A empresária do mundo fashion Leila Daher, CEO da Bis Wear, garante que os vestidos de tecidos fluidos caem bem com qualquer tendência, seja neon, animal print ou poá. “É a cara dos dias quentes. Uma peça fresca, leve e que traz movimento e requinte às produções.”

As principais tendências da temporada são o póa. Tem algo com mais informação de moda que poá em tecido fluido? A estampa que foi febre em meados da década passada ganhou o status de clássica nas produções atuais. As bolinhas menores são mais sofisticadas e discretas; já as maiores trazem um ar mais divertido à produção, com a desvantagem de que podem aumentar a silhueta – é bom tomar cuidado. “Apesar de tradicionalmente mais românticos, vestidos com essa estampa podem ganhar ares mais fashionistas quando contrastados com tênis e texturas mais pesadas, seja em acessórios, bolsas ou sapatos”, garante Leila. 



Outro lance importante da fluidez pode ser incorporado ao animal print, estampa que nunca sai de moda. Das tradicionais de onças às zebras com cores mais inusitadas, essa peça pode ser combinada com botas, saltos e tênis, caindo bem em qualquer estilo e ocasião. A estampa mais atual é a de cobra. O clichê do sexy sem ser vulgar é a combinação da transparência – que remete à sensualidade – com os tecidos fluidos – que naturalmente trazem elegância e sofisticação ao look. Essa é uma boa aposta para festivais e baladas. 

E, mesmo assim, ainda oferecem possibilidade de combinações democráticas: para visuais mais urbanos, tênis. Se a pegada for mais festival, botas. Na balada, sandálias. A depender da cor, o visual também muda. E para enfatizar a data, a expressividade feminina com atitude: essa é a proposta do floral. Quando incorporada a tecidos fluidos, a estampa fica a cara da primavera.




Publicidade