Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas Mercado S/A

Bolsa volta a animar investidores após temporada de balanços no Brasil

Segundo levantamento realizado pela XP, no primeiro trimestre 44% das companhias apresentaram resultados financeiros acima das expectativas


19/05/2021 04:00 - atualizado 19/05/2021 07:46

Resultados positivos das empresas indica que ações negociadas na Bolsa tendem a se valorizar, com tendência de lucros crescentes (foto: Nelson Almeida/AFP - 22/2/21)
Resultados positivos das empresas indica que ações negociadas na Bolsa tendem a se valorizar, com tendência de lucros crescentes (foto: Nelson Almeida/AFP - 22/2/21)

Os investidores têm bons motivos para retomar o ânimo com o mercado acionário brasileiro. De maneira geral, as empresas brasileiras surpreenderam na temporada de balanços, o que é um indicativo de que seus lucros continuarão em alta – e, portanto, as ações negociadas na Bolsa tendem a se valorizar.

Segundo levantamento realizado pela XP, no primeiro trimestre 44% das companhias apresentaram resultados financeiros acima das expectativas, 34% entregaram de acordo com o previsto e só 22% decepcionaram. E isso, lembre-se, em um período marcado pela segunda onda da pandemia do novo coronavírus no Brasil.

Outro estudo, desta vez feito pelo banco americano Bank of America com gestores da América Latina, descobriu que 64% deles acreditam que as ações deverão apresentar melhor desempenho nos próximos seis meses do que outras classes de ativos. No mês passado, o índice estava em 59%. O momento é difícil, mas o Brasil resiste.

Daniel Alves investe em nova rede social

Daniel Alves, jogador do São Paulo e da Seleção Brasileira, é um dos investidores da rede social Local, que conecta turistas a residentes que fornecem dicas pagas de restaurantes, atividades culturais e outros programas de lazer. Criada pelo empresário português Rui Santoro, a Local está em fase de testes depois de receber aportes de R$ 5 milhões. Se tudo correr bem, ela será lançada em julho, mas apenas na cidade de Miami. A seguir, a ideia é levar o serviço para outras regiões.

18,8%

Foi quanto cresceram as vendas no varejo em abril na comparação com o mesmo mês do ano passado, segundo levantamento da Cielo. O percentual elevado se deve à base comparativa fraca: há um ano, o Brasil sofria com o início da pandemia


Livraria Leitura acelera expansão

Enquanto a Saraiva e a Livraria Cultura correm risco de falir, a rede mineira Leitura amplia os investimentos no país. Hoje, a empresa inaugura mais uma unidade em São Paulo – será a sua 17ª no estado. Com isso, a Leitura soma 84 lojas espalhadas por 21 estados brasileiros, consolidando-se como a maior rede de livrarias do mercado brasileiro. As vendas de livros, quem diria, estão em alta. No primeiro trimestre, elas cresceram 25% em relação ao mesmo período do ano passado.

Escola de Negócios fecha parcerias internacionais

A Escola de Negócios e Seguros (ENS) fechou parcerias para oferecer programas internacionais de treinamento a executivos. O primeiro deles será com a Universidade de Tel Aviv, de Israel. Até o dia 27, profissionais da área de seguros participarão de cinco encontros em São Paulo focados em empreendedorismo e inovação. Outros dois programas de treinamento previstos para 2021 serão realizados em Londres e Lisboa. A iniciativa começou a ser planejada em 2019. Com a pandemia, foi adiada.

''Não vamos acelerar nem frear a agenda de aquisições''

Alexandre Birman, presidente da Arezzo. No mês passado, a empresa perdeu para o Grupo Soma a disputa pela compra da Hering

Rapidinhas

Avançar em mercados fora do eixo Rio-São Paulo é uma das estratégias da administradora de planos de saúde coletivos Qualicorp. A empresa firmou parceria com a Unimed-BH para ofertar planos na capital mineira e cidades do entorno por preços a partir de R$ 74. Em número de clientes, Minas Gerais é o quarto maior mercado da empresa no país.

O procedimento TAVI (Transcatheter Aortic Valve Implatantion), técnica cirúrgica cardíaca minimamente invasiva, acaba de ser incorporado pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). Até então, ele só era liberado por meios judiciais. Com a decisão, os planos de saúde poderão oferecer a tecnologia.

A mudança foi uma conquista da Sociedade Brasileira de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista, que luta pela incorporação desde 2013. Para Felipe Barreiro, vice-presidente da Medtronic, uma das líderes em tecnologia para a saúde, trata-se de importante passo para driblar as burocracias que impedem as operadoras de proporcionar tratamentos avançados.

O setor de energia não para. Nesta semana, a paranaense Copel formalizou a compra do complexo eólico Vilas, no Rio Grande do Norte, por R$ 1 bilhão. Com a investida, a fonte eólica passará a representar 13% do portfólio de geração da Copel, que diversifica sua matriz e reduz os riscos hidrológicos.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade