SIGA O EM

BHTrans regulamenta o transporte de bicicletas em ônibus e estações de BH

A BHTrans autorizou, a partir deste sábado, que as bikes dobráveis podem ser levadas no serviço público convencional. Para as bikes não dobráveis, o horário será restrito

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[{'id_foto': 1074615, 'arquivo_grande': '', 'credito': 'Cristina Horta/EM/D.A Press', 'link': '', 'legenda': 'A medida estava valendo desde maio deste ano em per\xedodo experimental ', 'arquivo': 'ns62/app/noticia_127983242361/2016/09/24/807304/20160924092620568812i.jpg', 'alinhamento': 'center', 'descricao': ''}]

postado em 24/09/2016 09:10 / atualizado em 24/09/2016 10:02

João Henrique do Vale

Cristina Horta/EM/D.A Press

Os usuários de bicicletas de Belo Horizonte vão poder continuar tendo mais facilidade para transportar as suas 'magrelas' pela cidade. A BHTrans regulamentou neste sábado, que as bikes podem ser levadas no serviço público convencional de transporte coletivo de passageiros de ônibus da cidade. A medida inclui os veículos do Move. A norma inclui qualquer tipo de bicicleta, mas as não dobráveis terão horários restritos.

A medida já estava valendo na capital mineira desde maio deste ano. Porém, estava passando por um período experimental de três meses, para verificação da reação e comportamento dos usuários e reavaliação dos critérios, caso necessário.

A regulamentação foi publicada na versão deste sábado do Diário Oficial do Município (DOM). Ela apresenta regras de como o veículo pode ser transportado nos ônibus. Segundo a BHTrans, as bicicletas devem ter aro de 20 polegadas ou menor. Elas sempre devem estar dobradas quando estiveram dentro dos ônibus, e sua dimensão não pode atrapalhar outros passageiros.

Dentro dos veículos, os ciclistas devem utilizar, preferencialmente, a área reservada para cadeiras de rodas e cão-guia. Claro, respeitando sempre a prioridade dos portadores de deficiência física e visual. “Se a área reservada estiver ocupada por pessoa em cadeira de rodas ou deficiente visual acompanhado de cão-guia, o portador da bicicleta dobrável deve acomodá-la em local que evite causar transtorno aos demais usuários”, diz a regulamentação.

Será permitido o acesso das bicicletas dobráveis nas estações de integração e de transferência. Os ciclistas vão poder empurrar as 'magrelas' sem que elas estejam dobradas. Porém, desde que seja dobrada quando entrar no ônibus.

O uso de bicicletas não dobráveis também está autorizado nas estações de integração, estações de transferência e nos veículos do Move que já possuem suportes internos. Mas, somente em horários restritos. De segunda a sexta-feira, elas podem ser usadas depois das 20h30. Aos sábados, após as 14h, e nos domingos e feriados, durante todo o dia. Durante a madrugada, de meia-noite às 5h, o acesso está liberado.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
 
Christian
Christian - 24 de Setembro às 15:51
É uma VERGONHA precisarmos de uma "regulamentação" para isso. Pra você ENTRAR em um ônibus, precisa de uma "autorização" da prefeitura. Isso é um verdadeiro VEXAME. Sai a "autorização", e, ainda assim, só em "horários restritos". Para tudo precisamos pedir bênção do Papai Governo?