Publicidade

Estado de Minas

Jeitinho brasileiro

Uma das novidades da linha 2020 do Renault Sandero é a homologação do aventureiroStepway como SUV compacto, mas somente para a versão equipada com câmbio manual


postado em 27/07/2019 04:16

Hatch aventureiro muda de classificação e ganha nova traseira(foto: Renault/divulgação)
Hatch aventureiro muda de classificação e ganha nova traseira (foto: Renault/divulgação)


Outra novidade da linha 2020 do Sandero é que a versão aventureira passa a ser chamada apenas de Stepway, perdendo o primeiro nome. Além disso, a Renault conseguiu homologar o modelo como SUV compacto. De acordo com a montadora, o Inmetro considerou que o Stepway tem altura em relação ao solo, ângulo de transposição e ângulo de saída compatíveis com os de um SUV. Interessante é que o modelo já era assim, porém, era classificado como hatch compacto aventureiro.
 
E o mais bizarro é que ele só foi homologado como SUV compacto quando equipado com motor 1.6 e câmbio manual. Já a versão com câmbio CVT não pode ser considerada SUV compacto, pois a altura em relação ao solo fica comprometida pelo tamanho do conjunto. Só mesmo em um país como o Brasil esse tipo de situação é permitida e chancelada por um órgão público. Mas, na prática, o Stepway não passa de um hatch compacto com os apetrechos de um “aventureiro”.
 
O modelo será vendido na versão Zen 1.6 por R$ 61.190, trazendo quatro airbags, Isofix, sensor de estacionamento, direção eletro-hidráulica, ar-condicionado, alarme, faróis de neblina, chave canivete, rádio, start/stop e rodas de 16 polegadas Flexwheel (rodas de aço com calota, pode isso?). A versão Intense 1.6 CVT, por R$ 70.990, acrescenta o Media Evolution, controle eletrônico de tração e estabilidade, assistente de partida em rampa, ar-condicionado automático, câmera de ré, vidros traseiros elétricos, retrovisores elétricos, controlador e limitador de velocidade e rodas de liga leve 16 polegadas biton diamantadas. A topo de linha Iconic 1.6 CVT, por R$ 73.090, traz ainda bancos revestidos em couro, sensor de chuva, sensor de luminosidade e rodas de liga leve 16 polegadas biton diamantadas.

ESPORTIVADO Já o Sandero RS manteve o visual dianteiro, pois já contava com assinatura de LED nos faróis e trazia um para-choque diferenciado. Mas a traseira também foi modificada, ganhando as novas lanternas da família Sandero. Com o mesmo motor 2.0 de 150cv e câmbio manual de seis marchas, a versão “esportivada” passa a ser vendida por R$ 69.690, trazendo os itens da versão Zen manual, acrescentando auxílio de partida em rampa, controle de tração e estabilidade, ar-condicionado automático, câmera de ré, controlador de velocidade e rodas de liga leve diamantadas de 17 polegadas.

(*) Jornalista viajou a convite
da Renault


Publicidade